Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufpb.br/jspui/handle/123456789/11764
metadata.dc.type: Dissertação
Title: Aspectos sócio-culturais e implicações ambientais das formas de uso e ocupação do espaço estuarino do Rio Timbó, estado de Pernambuco, Brasil
metadata.dc.creator: Cabral, Adilson Luiz
metadata.dc.contributor.advisor1: Roberto, Sassi
metadata.dc.description.resumo: O presente trabalho teve por objetivo elaborar um diagnóstico da área estuarina do rio Timbó-PE, no tocante às formas de uso e ocupação do espaço, exploração extrativista e interferências humanas. Foram demarcados 8 setores na margem direita (município do Paulista), e 9 setores na margem esquerda (municípios de Abreu e Lima de Igarassu). Foram usados questionários semi-estruturados e foram feitas entrevistas com atores que habitam as áreas próximas ao estuário (pescadores, catadores e comerciantes). Foram construídas matrizes ponderadas de impactos ambientais (check-list), conforme modelo sugerido por Tommasi (1994), modificado para áreas estuarinas; matrizes das formas de uso do espaço estuarino, das condições de infraestrutura urbana, da compatibilidade de usos (conforme Diegues, 1995), e das formas de captura do pescado nos diversos setores do estuário. Com a aplicação dessas matrizes procurou-se compartimentar o ambiente analisado em fatores e indicadores, enfatizando a estrutura das comunidades periféricas ao estuário e procurando avaliar os prejuízos que o homem vem provocando ao ambiente. Verificou-se que a área pesquisada apresenta altos níveis de degradação, com claras evidências de perda de qualidade ambiental, especialmente na margem direita, onde os valores dos IQAs foram menores. Níveis críticos de qualidade ambiental (IQAs menores que 50) foram encontrados nas localidades de Maria Farinha e Nova Cruz. Entre os diversos impactos catalogados, lixo e esgotos, alteração geral da paisagem, invasão de áreas públicas (inclusive com edificações de favelas), navegação e atracadores e pesca artesanal (inclusive com utilização de explosivos em alguns locais) foram os que mais se destacaram. Evidenciou-se que as atividades comerciais são efetuadas principalmente próximo à desembocadura e estão voltadas essencialmente para a recreação e o turismo. O diagnóstico sócio-ambiental dos moradores ribeirinhos mostrou que a maioria dos pescadores é analfabeta, que a pesca é efetuada por homens de até 89 anos, que a catação é preferencialmente praticada por mulheres com até 70 anos, que o numero de crianças e pré-adolescentes que participam dessa atividade é muito grande, que a produção pesqueira encontra-se em retração devido à poluição e que parece estar havendo perda de vínculo tradicional com a pesca, evidenciada pelo pequeno tempo de moradia nas áreas (menos de 10 anos, em geral) e pela adoção de práticas altamente predatórias, como o uso de explosivos e redinhas. A maioria dos profissionais da pesca possui casa própria, geralmente simples, com água potável e energia elétrica, sendo o estuário sua principal fonte de sobrevivência. O imaginário de muitas das pessoas da área é permeado pela crença em diversos tipos de visagens, sendo a prática religiosa (católicos na margem direita e evangélicos na margem esquerda) muito constante e presente em todos os locais.
Abstract: This paper had for purpose elaborate a diagnosis of the estuary area of the Timbó river – state of Pernambuco, concerning the use of the space and the occupation way, exploration and human interferences. Some sectors have been demarcated, 8 in the right margin (municipal district of Paulista), and 9 sectors in the left margin (municipal districts of Abreu e Lima and Igarassu). It had used semi structured questionnaires and done interviews with people that inhabit the neighborhood areas from the searching estuary (fishermen and dealers). Pondered matrixes of the environmental impacts (check-list) were built, as a model suggested by Tommasi (1994), modified for estuary areas; the matrix estuary’s space form of use, of the urban infrastructure conditions and the uses compatibility (as Diegues,1995), and the fishery forms in the estuary several sectors. With the application of these matrixes, it tried to decompose the analyzed environment in factors and indicators, emphasizing the structure of peripheral communities to the estuary and trying to evaluate the prejudices that man has been provoking to environment. It had verified that the searched area introduces a high level of degradation, with loss environmental quality clears evidences, especially in the right margin, where IQA’s values were smaller. Environmental quality critical levels (IQAs smaller than 50) were found in Maria Farinha and Nova Cruz. Among several cataloged impacts, garbage and sewages, landscape general alteration, invasion of public areas (including slums constructions), navigation and harbors and homemade fishing (including the utilization of explosives in some places) were the most highlighted. It had evidenced that commercial activities are in mostly nearest to the outlet and are directed essentially for recreation and tourism. The river inhabitants diagnosis social-environmental showed that most fishermen is illiterate and the fishing is made for men up to 89 years, that crop is essentially done by women up to 70 years, the number of children and pre-teenagers that participates in this activity is very large, fishing production is in retraction due the pollution and that seems it is causing a traditional link loss with fishing, evidenced by the small time of dwelling in the areas (less than 10 years, in general) and by the adoption of highly predatory practice, as the explosive and little net uses. Most fishing professionals owns their houses, with drinking water and electric power, being the estuary their main survival source. The imaginary of many people in this area is permeated by the belief in several kinds of ghosts, being a religious practice (Catholic in the right margin and evangelical in the left) very constant and present in all locations.
Keywords: Rio Timbó
Meio ambiente - poluição
Favelas
Marinas
Educação ambiental
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS BIOLOGICAS::ECOLOGIA
metadata.dc.language: por
metadata.dc.publisher.country: Brasil
Publisher: Universidade Federal da Paraíba
metadata.dc.publisher.initials: UFPB
metadata.dc.publisher.department: Gerenciamento Ambiental
metadata.dc.publisher.program: Programa de Pós-Graduação em Desenvolvimento e Meio Ambiente
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
URI: https://repositorio.ufpb.br/jspui/handle/123456789/11764
Issue Date: 30-Dec-2001
Appears in Collections:Centro de Ciências Exatas e da Natureza (CCEN) - Programa de Pós-Graduação em Desenvolvimento e Meio Ambiente

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Arquivototal.pdfArquivo total4,35 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.