Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufpb.br/jspui/handle/123456789/12078
metadata.dc.type: TCC
Title: TRAÇOS FUNCIONAIS FITOPLANCTÔNICOS EM TANQUES DE PEDRA: ESTRUTURA EM ECOSSISTEMAS RASOS NO SEMIÁRIDO BRASILEIRO
metadata.dc.creator: Silva, Kelly Dayane Pereira da
metadata.dc.contributor.advisor1: Barbosa, Luciana Gomes
metadata.dc.description.resumo: A escassez hídrica dificulta o desenvolvimento de atividades (agrícolas, pecuárias) e até mesmo a permanência da população no semiárido nordestino. Os objetivos do presente estudo foram inventariar os usos da água armazenada em tanques de pedra pela população residente no entorno e identificar grupos funcionais fitoplanctônicos presentes nesses ambientes e sua associação com fatores ambientais. As amostragens de entrevistas, Fitoplâncton (densidade e biovolume) e variáveis limnológicas foram realizadas durante as chuvas de 2011 em 20 tanques em Cabaceiras (Paraíba, Brasil). A transparência da água nos tanques foi baixa (≥ 1,5) com águas variando entre levemente ácidas a alcalinas. As entrevistas indicaram redução da transmissão do conhecimento entre gerações sobre o manejo dos referidos tanques em função da implantação de novas alternativas para armazenamento de água, dentre essas foi constatada preferência pelos tanques constituídos de “rocha dura” (20% dos entrevistados) e profundos (Zmax≥5)(30%). Mudanças no uso da água entre gerações são indicadas, sendo entre os pais a utilização associada a várias atividades (50%) e ausência de fontes alternativas de captação da água. Em relação a estrutura da comunidades e grupos funcionais os tanques foram associados a ambientes túrbidos e rasos com dominância de cianobactérias em 50% dos casos. O grupo MP associado a espécie produtora de toxinas Microcystis sp., dominante nos tanques próximos ao povoado (n=2), e grupos K (Aphanocapsa sp.) e S1(Planktolyngbya limnetica) melhor distribuídos espacialmente entre tanques. A presença de cianobactérias tóxicas registra condições de hábitat compatíveis com o processo de urbanização do entorno, identificando-se em dois tanques densidade e biomassa de cianobactérias acima do limite previsto na legislação. O fim da transmissão de conhecimento do manejo entre gerações humanas podem, a curto prazo, acarretar prejuízos em uma região cujas secas prolongadas são frequentes além de potencializar florações de algas tóxicas, influenciando negativamente a saúde da população em períodos de escassez hídrica.
Abstract: The scarce availability of water is a limiting factor to the development of the rural semi-arid . The objectives of this study were to inventory the use of stone tanks by populations and identify phytoplankton functional groups and associated environmental factors . Sampling interviews, phytoplankton (density and biovolume ) and limnological variables were peformed during the rains of 2011 in 20 tanks in Cabaceiras (Paraíba, Brazil). The transparency of the water in the tanks was low (≥ 1.5m) with water ranging from slightly acidic to alkaline. Interviews indicated reducing the transmission of knowledge between generations due to new technologies and government programs implemented in the region and preference for tanks made of " hard rock" (20 % of respondents) and deep ( Zmax ≥ 5 ) (30 %). Changes in water use between generations are indicated, being among generations use associated with various activities (50 %) and lack of alternative sources of water catchments . Regarding the structure of the communities and functional groups associated with the tanks were turbid and shallow environments dominance of cyanobacteria in 50% of cases. Group M associated with toxin -producing species Microcystis sp., Dominant in tanks near the populations (n = 2) , and K groups (Aphanocapsa sp.) and S1 (Planktolyngbya limnetica) better spatially distributed between tanks. The presence of toxic cyanobacteria registers habitat conditions compatible with surrounding development of cities, identifying two tanks in density and biomass of cyanobacteria above the limit of the Brazilian law. The transmission of knowledge management among human generations may, in the short term, lead to losses in a region whose prolonged droughts are frequent addition to potentiate toxic algal blooms, which negatively affects the health of the population in times of water scarcity .
Keywords: Tanques de pedras
Semiárido
Cianobactérias
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS BIOLOGICAS
metadata.dc.language: por
metadata.dc.publisher.country: Brasil
Publisher: Universidade Federal da Paraíba
metadata.dc.publisher.initials: UFPB
metadata.dc.publisher.department: Ciências Biológicas
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
URI: https://repositorio.ufpb.br/jspui/handle/123456789/12078
Issue Date: 6-Sep-2013
Appears in Collections:TCC - Ciências Biológicas

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
KDPS18102018.pdf668,29 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.