Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufpb.br/jspui/handle/123456789/12235
metadata.dc.type: Dissertação
Title: O assédio moral e a precarização do trabalho: repercussões sobre a saúde do trabalhador de telemarketing
metadata.dc.creator: Norat, Rafael Câmara
metadata.dc.contributor.advisor1: Nascimento, Maria de Fatima Melo do
metadata.dc.description.resumo: A presente dissertação investiga o assédio moral no ambiente de trabalho e suas repercussões sobre a saúde do trabalhador, tendo os operadores de telemarketing como categoria de profissionais analisada, bem como a precarização do trabalho a que estes trabalhadores estão submetidos. A importância da investigação do fenômeno da precarização se dá pelo fato de que as mutações que ele acarreta no mundo do trabalho afeta a sociedade como um todo e, para o trabalhador, pode repercutir diretamente na sua saúde física e mental. Relaciona o assédio moral como mecanismo de precarização das relações de trabalho, através da intensa exploração dessa classe de trabalhadores, seja pela vigilância excessiva no trabalho, seja pelas constantes cobranças em busca de resultados ou até mesmo pela alta rotatividade e instabilidade no emprego dentro do setor de telemarketing. O objetivo deste trabalho consiste em analisar, através do discurso dos trabalhadores entrevistados, a relação do assédio com a precarização no ambiente de trabalho dos call centers. A atualidade do tema se dá pelas recentes aprovações legislativas no Brasil que liberam a terceirização (lei nº 13.429, de 31 de março de 2017) para todas as atividades da empresa e a recente aprovação da reforma trabalhista (lei nº 13.467/2017). Este trabalho utilizou, sobretudo, como recurso analítico, a abordagem qualitativa, seguindo os passos metodológicos da pesquisa bibliográfica/documental e da pesquisa de campo, através de entrevistas com os trabalhadores do telemarketing. As interpretações dos resultados desta pesquisa evidenciaram que o assédio moral contra os operadores de telemarketing vem aumentando, como corroboram os dados da Justiça do Trabalho, através do aumento no volume de ações judiciais que envolvem esses profissionais e o assédio moral no ambiente de trabalho, bem como pelas denúncias reveladas por esses trabalhadores durante a pesquisa de campo.
Abstract: The present master thesis investigates the harassment in the work environment and the repercussions on workers' health, has the telemarketing operators as a category of professionals analyzed, as well the precariousness of the work which these workers are submitted. The importance of research the phenomenon of precariousness is by the fact that the mutations that causes in the world of work affect society as a whole and, for the worker, can directly affect their physical and mental health. Connects bullying as a mechanism of precarious working relationship, through the intense exploitation of this class of workers, either through excessive surveillance in the workplace, by the constant collections for results or even by the high turnover and instability in employment within the telemarketing´s sector. The objective of this study is to analyze the relationship between harassment and precariousness in the work environment of the Call centers through the discourse of the workers interviewed. The current relevance of the topic is because the recent legislative approvals in Brazil that release outsourcing (Law 13,429, dated March 31, 2017) for all company activities and the recent approval of labor reform (Law No. 13.467 / 2017). This work mainly used the qualitative approach, analyzing the qualitative approach, following the methodological steps of bibliographical research, documentary and field research, through interviews with telemarketing workers. The interpretations of the results of this research showed that bullying against telemarketing operators has been increasing as corroborated by the Labor Court data, through the increase in the number of lawsuits involving these professionals and the harassment in the work environment, as well as denouncements revealed by these workers during field research.
Keywords: Operadores de telemarketing
Precarização do trabalho
Assédio moral
Saúde do trabalhador
Telemarketing operators
Precarization work
Moral harassment
Worker's health
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS SOCIAIS APLICADAS::SERVICO SOCIAL
metadata.dc.language: por
metadata.dc.publisher.country: Brasil
Publisher: Universidade Federal da Paraíba
metadata.dc.publisher.initials: UFPB
metadata.dc.publisher.department: Serviço Social
metadata.dc.publisher.program: Programa de Pós-Graduação em Serviço Social
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
URI: https://repositorio.ufpb.br/jspui/handle/123456789/12235
Issue Date: 25-Apr-2018
Appears in Collections:Centro de Ciências Humanas, Letras e Artes (CCHLA) - Programa de Pós-Graduação em Serviço Social

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Arquivototal.pdfArquivo total1,3 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.