Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufpb.br/jspui/handle/123456789/12419
metadata.dc.type: Dissertação
Title: O impacto dos acordos do tipo sul-sul e norte-sul sobre o comércio dos países em desenvolvimento
metadata.dc.creator: Lima, Bianca Guaracy Carvalho da Cruz
metadata.dc.contributor.advisor1: Figueiredo, Erik Alencar de
metadata.dc.description.resumo: Este estudo tem como objetivo avaliar qual tipo de acordo promove maior impacto sobre o comércio de um país em desenvolvimento, os acordos do tipo Sul-Sul ou do tipo Norte-Sul, considerando os seus níveis de integração e a regulação sob a qual estão submetidos. Para tanto, foram utilizadas equações gravitacionais para estimar os coeficientes de trade creation e o trade diversion de acordos do tipo Sul-Sul e Norte-Sul, introduzindo efeitos fixos para controlar os termos de resistência multilateral e a heterogeneidade não observada. Os resultados demonstram que quando controlados somente os termos de resistência multilateral, os acordos do tipo Sul-Sul com maior nível de integração e submetidos ao GATT Art. XXIV são os que proporcionam maior impacto sobre o crescimento do comércio, mas quando são incluídos efeitos fixos que controlam para heterogeneidade não observada, os acordos com grande quantidade de países apresentam resultados semelhantes, independentemente seu grau de integração e do nível de desenvolvimento dos países membros. Sendo assim, em geral, os acordos do tipo Sul-Sul promovem maior impacto que os do tipo Norte-Sul somente quando ambos envolvem um pequeno número de países membros.
Abstract: This study aims to value what type of agreement promotes higher impact on the developing countries trade, the South-South or the North-South agreements, considering their levels of integration and the regulation in which they are submitted. Therefore, gravity equations were used to estimate the trade creation and trade diversion coefficients of South-South and NorthSouth agreements, inserting fixed effects to control for multilateral resistance terms and unobserved heterogeneity. The results demonstrate that when only the multilateral resistance terms are controlled, the South-South agreements with higher level of integration and notified under the GATT Art. XXIV provide the highest impact on the trade growth, but when the country-pair fixed effects are included, the agreements with a great number of countries show similar results, regardless their level of integration and the development degree of theirs’s member countries. Therefore, in general, the South-South agreements provide higher impact than the North-South kind only when both have a small number of member countries.
Keywords: RTAs
Países em Desenvolvimento
Trade Creation
Equação Gravitacional
Developing Countries
Trade Creation
Gravity Equation
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS SOCIAIS APLICADAS::ECONOMIA
metadata.dc.language: por
metadata.dc.publisher.country: Brasil
Publisher: Universidade Federal da Paraíba
metadata.dc.publisher.initials: UFPB
metadata.dc.publisher.department: Economia
metadata.dc.publisher.program: Programa de Pós-Graduação em Economia
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
URI: https://repositorio.ufpb.br/jspui/handle/123456789/12419
Issue Date: 6-Mar-2017
Appears in Collections:Centro de Ciências Sociais e Aplicadas (CCSA) - Programa de Pós-Graduação em Economia

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Arquivototal.pdfArquivo total1,07 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.