Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufpb.br/jspui/handle/123456789/12569
metadata.dc.type: Dissertação
Title: Governança aplicada ao setor público: uma análise da institucionalização de práticas de governança nas universidades federais do nordeste brasileiro
metadata.dc.creator: Silva, Genilda Soares da
metadata.dc.contributor.advisor1: Câmara, Renata Paes de Barros
metadata.dc.description.resumo: Este estudo buscou identificar e analisar o grau de institucionalização de práticas de governança corporativa no âmbito das universidades federais do nordeste brasileiro, tomandose como referência o Manual de Governança elaborado e proposto pelo Tribunal de Contas da União, que orienta os gestores e a sociedade sobre princípios e práticas de governança que podem ser aplicados a todos os Órgãos e Entidades Públicas da Administração Pública. Os dados foram coletados por meio de um questionário aplicado aos pró-reitores de administração e de planejamento de tais instituições, enviado eletronicamente pela plataforma do google docs. As respostas obedeceram a uma escala Likert de 5 pontos, por meio da qual foi possível mensurar, primeiro, o grau de práticas institucionalizadas de acordo com a percepção dos gestores, no âmbito de todas as universidades analisadas, e, depois, associar o grau de institucionalização de cada universidade a características organizacionais. A confiabilidade do instrumento de coleta dos dados foi estimada por meio do Alfa de Cronbach, cujas estimativas foram calculadas por meio de correlações entre as respostas dos agentes. A análise qualitativa das categorias, quando se observou a adoção de práticas de governança contidas na listagem de perguntas, dividiu-se em três grupos, que contemplaram os seguintes aspectos: práticas de liderança, práticas de estratégia e práticas de controle, que nortearam a aplicação dos testes estatísticos e as respectivas análises. Além da estatística descritiva, foram aplicados os testes não paramétricos de Kruskal-Wallis e correlação por postos de Sparman. Assim, os resultados revelaram que existem práticas de governança corporativa no âmbito das universidades, na ordem de 65,63%, e que não há uma relação significativa entre as características organizacionais utilizadas na pesquisa (Receita, Nº de Professores, Nº de Técnicos, Nº de Alunos, Cursos de Graduação, Cursos de Pós-Graduação, Conceito CAPES Pós-Graduação e, Titulação dos professores) e o grau de institucionalização encontrado para cada universidade. Contudo não se desprezou o fato de haver associação entre elas.
Abstract: This study aimed to identify and analyze the degree of institutionalization of corporate governance practices in the federal universities of Brazilian Northeast, taking as reference the Governance Manual prepared and proposed by the Federal Audit Court, which guides managers and society on principles and practices of governance that can be applied to all Public Administration Agencies and Entities. The data were collected through a questionnaire applied to planning and administrative Pro-rectors of such institutions, which was sent electronically by google docs platform. The answers obeyed a Likert 5-point scale, through which it was possible to first measure the degree of institutionalized practices according to managers perception, in the scope of all analyzed universities, and then to associate the degree of institutionalization of each university to organizational characteristics. The reliability of data collection instrument was evaluated by Cronbach's alpha, whose estimates were calculated through correlations between agent responses. The qualitative analysis of the categories observed the adoption of governance practices were listed in the questions, which it was divided in three groups, including the following aspects: practices of leadership, practices of strategy and practices of control, that guided the application of the statistical tests and their analyzes. Besides to descriptive statistics, Kruskal-Wallis nonparametric tests and Sparman correlation were applied. Thus, the results revealed that there are practices of corporate governance in the scope of the universities, in the order of 65.63%, and that there is not a significant relation between the organizational characteristics used in the research (Revenue, number of teachers, technicians and students, Undergraduate Courses, Postgraduate Courses, CAPES concept Postgraduate and teacher qualification) and the degree of institutionalization found for each university. However, it was not overlooked that there is an association between them.
Keywords: Governança
Setor público
Universidades federais
Governance
Public sector
Federal universities
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS SOCIAIS APLICADAS::ADMINISTRACAO::CIENCIAS CONTABEIS
metadata.dc.language: por
metadata.dc.publisher.country: Brasil
Publisher: Universidade Federal da Paraíba
metadata.dc.publisher.initials: UFPB
metadata.dc.publisher.department: Finanças e Contabilidade
metadata.dc.publisher.program: Programa de Pós-Graduação em Ciências Contábeis
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
Attribution-NoDerivs 3.0 Brazil
metadata.dc.rights.uri: http://creativecommons.org/licenses/by-nd/3.0/br/
URI: https://repositorio.ufpb.br/jspui/handle/123456789/12569
Issue Date: 7-Dec-2017
Appears in Collections:Centro de Ciências Sociais e Aplicadas (CCSA) - Programa de Pós-Graduação em Ciências Contábeis

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Arquivototal.pdfArquivo total1,58 MBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons