Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufpb.br/jspui/handle/123456789/13266
metadata.dc.type: Dissertação
Title: Entre “Papudinhos” e “Noiados”: uma etnografia sobre o cotidiano e sociabilidades em espaço de consumo de substâncias psicoativas na região central de Cabedelo/PB
metadata.dc.creator: Paz, Ana Carolina Amorim da
metadata.dc.contributor.advisor1: Tella, Marco Aurélio Paz
metadata.dc.description.resumo: Esta dissertação teve como objetivo o estudo etnográfico sobre cotidiano e práticas de sociabilidade em um espaço conhecido como ponto de encontro e consumo diário e intenso de bebidas alcóolicas, o “CTI”, localizado no centro da cidade de Cabedelo/PB. Trata-se de um espaço frequentado por pessoas moradoras da vizinhança, trabalhadores da região e pela população em situação de rua, em sua maioria, pessoas em estado de vulnerabilidade social, econômica, emocional e/ou de saúde. A pesquisa foi realizada em torno do mercado público, concentrando-se na praça Venâncio Neiva, bares e calçadas da região. Contou com a participação de 31 interlocutores frequentadores desse espaço e foi realizada através da observação participante e 06 entrevistas semiestruturadas complementares. A partir da imersão em campo etnográfico, observou-se os modos particulares de apropriação do espaço público através de práticas, interesses e identidades distintas que, por sua vez, apontam para o estabelecimento de normas, conflitos, hierarquizações e formação de grupos de frequentadores. Nesse contexto destaca-se o consumo de substâncias psicoativas, principalmente o “burrinho” (cachaça) e a “pedra” de crack, como elemento de status e ordenador das relações sociais, juntamente com outros aspectos, que atuam no processo de estigmatização de determinados frequentadores.
Abstract: This work aims at analyzing the ethnography of the routine and sociability practices in a space known as a meeting point for daily consumption of alcohol, "CTI", located in the downtown area of Cabedelo/PB. It is a space attended by people who live in the neighborhood and workers from around that area, as well as homeless, who are in a social, economic, emotional and/or health vulnerability situation. The research was done around the public market area, focusing on bars and sidewalks of the region, mostly in the Venâncio Neiva plaza. The research had a total of 31 counterparts who attend this area, and it was done with the method of participant observation and 6 semi-structured complementary interviews. From the immersion in ethnographic area, it was observed the special ways of appropriation of the public space through practices, interests and distinct identities that point to a establishment of rules, conflicts, hierarchies and formation of regular groups. In this context we can observe the consumption of psychoactive substances, mostly "burrinho" (cachaça) and crack rocks, as an element of status and organizer of the social relationships, along with other aspects that act on the process of stigmatization of some regulars.
Keywords: Sociabilidade
Apropriação do espaço público
Consumo de substâncias psicoativas
Estigmatização
Sociability
Appropriation of public space
Consumption of psychoactive substances
Stigmatization
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::ANTROPOLOGIA
metadata.dc.language: por
metadata.dc.publisher.country: Brasil
Publisher: Universidade Federal da Paraíba
metadata.dc.publisher.initials: UFPB
metadata.dc.publisher.department: Antropologia
metadata.dc.publisher.program: Programa de Pós-Graduação em Antropologia
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
Attribution-NoDerivs 3.0 Brazil
metadata.dc.rights.uri: http://creativecommons.org/licenses/by-nd/3.0/br/
URI: https://repositorio.ufpb.br/jspui/handle/123456789/13266
Issue Date: 24-Aug-2016
Appears in Collections:Centro de Ciências Aplicadas e Educação (CCAE) - Programa de Pós-Graduação em Antropologia

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Arquivototal.pdfArquivo total2,09 MBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons