Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufpb.br/jspui/handle/123456789/13497
metadata.dc.type: Dissertação
Title: Análise do potencial fitorremediador e energético da biomassa das espécies Eichhornia crassipes (aguapé) e Pistia stratiotes (alface d’água)
metadata.dc.creator: Figueiredo, Sara Almeida de
metadata.dc.contributor.advisor1: Lopes, Riuzuani Michelle Bezerra Pedrosa
metadata.dc.description.resumo: O aumento da demanda por recursos naturais, destacando-se os energéticos e hídricos, tem aumentado significativamente as pressões antrópicas sobre o meio ambiente. Diversos sistemas de tratamento de água já existem ou vêm sendo desenvolvidos no intuito de amenizar a degradação do meio aquático e facilitar o acesso às reservas hídricas. Existem, no entanto, técnicas simples e naturais - tendo como exemplo a fitorremediação - que usam recursos do próprio meio, e se mostram como importantes complementos ou, até mesmo, alternativas, aos sistemas tradicionais de tratamento de água. Tal método é considerado bastante eficaz e menos dispendioso, em comparação a estes últimos. Diante do exposto, esse trabalho de pesquisa se propôs a testar a efetividade das espécies de macrófitas aquáticas Eichhornia crassipes (Aguapé) e Pistia stratiotes (Alface d’Água) no processo de fitorremediação, através de análises físico-químicas da sua água de cultivo, sendo esta proveniente do rio Jaguaribe, João Pessoa – PB. Ademais, foi avaliado, também, o uso posterior dessas espécies como fonte de geração de energia por meio da sua queima na forma de briquetes, com análises da sua composição imediata, poder calorífico e análise termogravimétrica em atmosfera de Nitrogênio. Os resultados obtidos demonstram uma elevada capacidade remediadora das espécies estudadas, especialmente em termos de remoção de coliformes totais e termotolerantes, para os quais a eficiência alcançada foi de 99,72% para as duas espécies. Quanto às características energéticas, os valores obtidos para o poder calorífico, de 14,382 MJ/kg (Aguapé) e 14,185 MJ/kg (Alface d’Água), encontram-se levemente abaixo do estabelecido pela norma européia, estando, no entanto, muito próximos aos valores observados para a lenha, para a qual os briquetes de biomassa aquática são vistos como potenciais substitutos. O aguapé se destacou com poder calorífico e capacidade fitorremediadora ligeiramente superiores aos da alface d’água, enquanto esta última apresentou maior taxa de produção de biomassa. Com estes resultados é possível dar uma destinação adequada à biomassa excedente do processo de fitorremediação do rio Jaguaribe, ao mesmo tempo em que se produz energia de forma limpa e renovável.
Abstract: The increased demand for natural resources, especially energy and water, has expanded the pressures on the environment. Several water treatment systems already exist or have been developed in order to reduce degradation of the aquatic ecosystem and facilitate the access to water reserves. There are, however, simple and natural techniques - such as phytoremediation - that use resources from the environment itself, which have proved to be important complements, or even alternatives, to the traditional water treatment systems and which have been considered to be quite effective and less expensive in comparison to the latter. Regarding that, this study intended to test the efficacy of the aquatic macrophytes species Eichhornia crassipes (water hyacinth) and Pistia stratiotes (water lettuce) in the phytoremediation process, through physicochemical analyzes of their culture water, obtained from the Jaguaribe River, located in the urban zone of João Pessoa - PB. In addition, it was evaluated the later use of these species as a source of energy through its burning in the form of briquettes, with analyzes of its immediate composition, calorific value and thermal analysis using Nitrogen atmosphere. The results indicate a high remedial capacity of the studied species, especially in terms of removal of total and thermotolerant coliforms, for which the efficiency reached was 99.72% for both species. Regarding their energetic characteristics, the values obtained for the calorific value, of 14,382 MJ/kg (water hyacinth) and 14.185 MJ/kg (water lettuce) are slightly below the European standard, but very close to the values observed for firewood, for which the aquatic biomass briquettes are considered as potential substitutes. The water hyacinth stood out with a calorific value and phytoremediation capacity slightly superior to those of the water lettuce, while the latter presented higher rate of biomass production. With these results it is possible to give adequate allocation to the surplus biomass from the Jaguaribe river’s eutrophication process, while producing energy in a clean and renewable way.
Keywords: Biomassa
Fitorremediação
Briquetes
Geração de energia
Biomass
Phytoremediation
Briquettes
Energy production
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::ENGENHARIAS
metadata.dc.language: por
metadata.dc.publisher.country: Brasil
Publisher: Universidade Federal da Paraíba
metadata.dc.publisher.initials: UFPB
metadata.dc.publisher.department: Engenharia de Energias Renováveis
metadata.dc.publisher.program: Programa de Pós-Graduação em Energias Renováveis
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
Attribution-NoDerivs 3.0 Brazil
metadata.dc.rights.uri: http://creativecommons.org/licenses/by-nd/3.0/br/
URI: https://repositorio.ufpb.br/jspui/handle/123456789/13497
Issue Date: 24-Aug-2018
Appears in Collections:Centro de Energias Alternativas e Renováveis (CEAR) - Programa de Pós-Graduação em Energias Renováveis

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Arquivototal.pdfArquivo total5,12 MBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons