Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufpb.br/jspui/handle/123456789/14496
metadata.dc.type: Dissertação
Title: Qualidade da água para consumo humano na Paraíba: sistemas de Informações para fins de vigilância e controle das doenças diarreicas agudas
metadata.dc.creator: Pachá, Anna Stella Cysneiros
metadata.dc.contributor.advisor1: Monteiro, Cristine Hirsch
metadata.dc.contributor.advisor2: Nascimento, José Soares do
metadata.dc.description.resumo: A água é um elemento essencial à vida e deve estar livre de toxinas e micro-organismos para ter suas características preservadas. O crescimento desordenado das populações, os fatores naturais e socioculturais, tem causado graves problemas ao meio ambiente, ocasionando escassez de água e degradação dos mananciais, gerando desafios de gestão das águas e ameaçando a sustentabilidade ambiental, o desenvolvimento socioeconômico e a qualidade de vida.A doença diarreica é a segunda causa de morte infantil no mundo e no Brasil, grande parte, ocasionada pela má qualidade da água. Segundo informações do DATASUS/MS, nos anos de 2013 e 2014, ocorreram no país 483.117 hospitalizações e 104.232 óbitos por diarreia, sendo 26,35% dos óbitos na região Nordeste. OBJETIVO: Identificar fatores de risco provenientes de fontes alternativas coletivas, populações vulneráveis ao adoecimento, avaliar a correlação entre o consumo de água proveniente de Soluções Alternativas Coletivas de Abastecimento (SAC), cuja qualidade é monitorada pelo SISAGUA e a ocorrência das Doenças Diarreicas Agudas (DDA) no Estado da Paraíba. METODOLOGIA:Os dados foram analisados usando estatística descritiva, de modo interdisciplinar e abordando indicadores ambientais e parâmetros relacionados à qualidade da água (SISAGUA), foram analisadas as informações referentes aos municípios da Paraíba com taxas de incidência de DDA (SIVEP_DDA) acima de 30.000 casos/100.000 habitantes, no período de 2012 a 2016. RESULTADOS:Foi evidenciado correlação positiva para o município de Guarabira. As outras variáveis foraminsatisfatórias para os demais municípios.Também foram utilizados mapas para o georreferenciamento das fontes cadastradas no SISAGUA. Contudo a incidência de DDA manteve-se elevada durante todo o estudo.CONCLUSÃO:Os dados estudados indicaram a subutilização do SISAGUA e SIVEP_DDA, porém são sistemas de informações viáveis e estratégicos para a gestão municipal, possibilitando por meio dos resultados orientar ações intersetoriais de vigilância em saúde, possibilitando a melhoria na qualidade de vida da população que utilizam SAC no estado da Paraíba.
Abstract: Water is an essential element to life and must be free of toxins and microorganisms to have their characteristics preserved. The disorderly growth of populations, natural and socio-cultural factors, has caused serious problems to the environment, causing water scarcity and degradation of water sources, generating water management challenges and threatening environmental sustainability, socioeconomic development and quality of life. Diarrheal disease is the second leading cause of infant death in the world and in Brazil, largely due to poor water quality. According to DATASUS / MS, in the years 2013 and 2014, there were 483,117 hospitalizations and 104,232 deaths from diarrhea in the country, with 26.35% of deaths in the Northeast region. OBJECTIVE: To identify risk factors from alternative collective sources, populations vulnerable to illness, to evaluate the correlation between water consumption from Collective Alternative Solutions (SAC), whose quality is monitored by SISAGUA and the occurrence of Acute Diarrheal Diseases (DDA) in the State of Paraíba. METHODOLOGY: Data were analyzed using descriptive statistics, in an interdisciplinary way and addressing environmental indicators and parameters related to water quality (SISAGUA), the information concerning the municipalities of Paraíba with incidence rates of ADI (SIVEP_DDA) was analyzed above 30,000 cases / 100,000 inhabitants, in the period from 2012 to 2016. RESULTS: Positive correlation was evidenced for the municipality of Guarabira. The other variables were unsatisfactory for the other municipalities. We also used maps for georeferencing of sources registered in SISAGUA. However, the incidence of ADI remained high throughout the study. CONCLUSION: The data studied indicated the underutilization of SISAGUA and SIVEP_DDA, but they are viable and strategic information systems for municipal management, making possible through the results to guide intersectoral actions of health surveillance, enabling the improvement in the quality of life of the population that use SAC in the state of Paraíba.
Keywords: Water quality
Health indicators
Diarrhoea
Indicadores de saúde
Qualidade da água
Diarreia
Análise e amostragem - Água
Qualidade da água - Água - Diarréia
Monitorização da água - Sistemas de informação - Qualidade água
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS BIOLOGICAS::ECOLOGIA
metadata.dc.language: por
metadata.dc.publisher.country: Brasil
Publisher: Universidade Federal da Paraíba
metadata.dc.publisher.initials: UFPB
metadata.dc.publisher.department: Gerenciamento Ambiental
metadata.dc.publisher.program: Programa de Pós-Graduação em Desenvolvimento e Meio Ambiente
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
Attribution-NoDerivs 3.0 Brazil
metadata.dc.rights.uri: http://creativecommons.org/licenses/by-nd/3.0/br/
URI: https://repositorio.ufpb.br/jspui/handle/123456789/14496
Issue Date: 30-Sep-2018
Appears in Collections:Centro de Ciências Exatas e da Natureza (CCEN) - Programa de Pós-Graduação em Desenvolvimento e Meio Ambiente

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Arquivototal.pdfArquivo total9,42 MBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons