Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufpb.br/jspui/handle/123456789/15392
metadata.dc.type: Dissertação
Title: A invenção da infância: o Programa Bolsa Família e as crianças da comunidade de Feira Nova (Orobó) no agreste pernambucano
metadata.dc.creator: Santos , Patrícia Oliveira Santana dos
metadata.dc.contributor.advisor1: Pires, Flávia Ferreira
metadata.dc.description.resumo: A presente dissertação tem como objetivo compreender algumas características das mudanças geracionais em relação a ideia de infância entre os moradores da comunidade rural do agreste pernambucano de Feira Nova, localizada na cidade de Orobó, após a implementação do Programa Bolsa Família (PBF). Isto porque, em campo, observei que as gerações anteriores (pais e avós) a esta que, hoje, se encontra beneficiada pelo PBF, negam terem vivenciado a infância, uma vez que, aos seus olhos, tal ideia encontra-se atualmente relacionada a tríade: ludicidade, escolarização e não trabalho. Ora, como mostrarei melhor adiante, tal declaração deve-se ao fato de que a infância vivenciada por esta geração anterior não tinha como característica essa tríade, mas outras marcas, relacionadas, sobretudo, ao trabalho. E, como pude concluir a partir dos depoimentos dos próprios moradores, uma infância de trabalho não é uma infância. Dentre outras coisas, porque o trabalho os afastou da escola e do lúdico. O PBF, em contrapartida, vem mudando esse processo e contribuindo para a consolidação daquela tríade entre as crianças que, hoje, são beneficiadas pelo programa. Isto porque, a partir de uma série de condicionalidades exigidas pelo programa, a criança deixa de ser inserida no mundo do trabalho e passa a ser inserida no mundo escolar. Consequentemente, ela passou a ter mais tempo livre para estudar e brincar. Outra contribuição que o PBF vem trazendo é a permanência das crianças no seio de sua família consanguínea, uma vez que em Feira Nova ocorria uma espécie de adoção informal entre as famílias consideradas pobres. Por tudo isso, e outras razões que serão melhores detalhadas adiante, o presente trabalho tentará responder se tais transformações geracionais em relação a noção de infância constituem uma invenção da infância.
Abstract: This thesis aims to understand some characteristics of generational changes from the idea of childhood among residents of rural community in rural Pernambuco Feira Nova, located in Orobó, after the implementation of the Bolsa Família Program (PBF). This is because in the field, I noticed that the previous generation (parents and grandparents) to this that today is benefited by the PBF, denies having experienced childhood, since, in the eyes of this previous generation, this idea is currently related to triad: playfulness, schooling and not working. However, as explained below show, such a statement is due to the fact that childhood experienced by this previous generation could not feature this triad, but other brands, mainly related to work. And, as I conclude from the testimonies of the residents themselves, a childhood work is not a childhood. Among other things, because the work away from the school and the playful. This not experienced in childhood, as is known, historically repeated across generations. The PBF, however, is changing this process and contribute to the consolidation of that triad among children today are benefiting from the program. This is because, from a series of conditionalities required by the program, the child ceases to be immersed in the world of work and shall be included in the school world. Consequently, she began to have more free time to study and play. Another contribution is that the BFP is bringing children stay within their inbred family, once in New Fair occurred a kind of informal adoption among families considered poor. For all this, and other reasons that will be better detailed below, this paper will attempt to answer whether these generational changes regarding the notion of childhood are a invention of childhood.
Keywords: Escolarização
Infância
Ludicidade
Programa Bolsa Família
Trabalho
Schooling
Childhood
Playfulness
Bolsa Família Program
Work
Políticas sociais - Educação
Programa Bolsa Família - Feira Nova - Orobó - Pernambuco
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::ANTROPOLOGIA
metadata.dc.language: por
metadata.dc.publisher.country: Brasil
Publisher: Universidade Federal da Paraíba
metadata.dc.publisher.initials: UFPB
metadata.dc.publisher.department: Antropologia
metadata.dc.publisher.program: Programa de Pós-Graduação em Antropologia
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
Attribution-NoDerivs 3.0 Brazil
metadata.dc.rights.uri: http://creativecommons.org/licenses/by-nd/3.0/br/
URI: https://repositorio.ufpb.br/jspui/handle/123456789/15392
Issue Date: 7-Aug-2014
Appears in Collections:Centro de Ciências Aplicadas e Educação (CCAE) - Programa de Pós-Graduação em Antropologia

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Arquivototal.pdfArquivototal3,32 MBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons