Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufpb.br/jspui/handle/123456789/15688
metadata.dc.type: Tese
Title: Dinâmica da água e qualidade de pastagens no efluxo de CO2 em encostas de Argissolo Vermelho Amarelo
metadata.dc.creator: Pessoa, Tiago de Carvalho
metadata.dc.contributor.advisor1: Fraga, Vânia da Silva
metadata.dc.description.resumo: A capacidade produtiva das pastagens está relacionada à idade de estabelecimento dessas e as características do solo. No Nordeste brasileiro os solos destinados às pastagens são geralmente em áreas de encostas, a inclinação das encostas favorece a variabilidade nas propriedades hidrodinâmicas do solo e resultam em modificação nas características físicas e químicas. Além disso, pastagens cultivadas em solo sem adubação dependem da ciclagem dos nutrientes provenientes da serrapilheira da pastagem, processo que resulta em emissão de CO2 para a atmosfera. Diante do exposto, executou-se esse trabalho, dividido em três capítulos independentes, mas complementares. Com o objetivo de utilizar o método Beerkan na obtenção dos parâmetros hidrodinâmicos do solo para determinação das curvas de retenção-θ(h) e condutividade hidráulica-K(θ) e da força de retenção predominante (Capítulo I); avaliar o efluxo de CO2 do solo, a produção e qualidade da forragem e da serrapilheira de Urochloa decumbens (Capítulo II) e determinar as diferenças no efluxo de CO2 do solo, na produção de forragem e na qualidade das pastagens com distintas idades (Capítulo III). Os capítulos I e III foram desenvolvidos em três posições do relevo: ombro, meia encosta e pedimento de duas encostas sob pastagens com diferentes idades de estabelecimento (uma com 2 anos de uso-E2 e uma com 22 anos de uso-E22). Já o capítulo II foi desenvolvido nas três posições do relevo, mas apenas em uma encosta (E22). O armazenamento de água no solo foi avaliado utilizando a sonda de capacitância modelo Diviner 2000. A determinação dos parâmetros hidrodinâmicos foi através do modelo BEST no programa Sciliab 5.3.3. A produção de matérias seca de serrapilheira foi avaliada com anel de infiltração, já a produção e o conteúdo de nutrientes no pasto foram obtidos com gaiolas de exclusão, enquanto o efluxo de CO2 foi quantificado em câmaras estáticas. Os resultados indicaram variabilidade granulométrica entre as posições topográficas, sendo que na E22 existe mais argila que na E2. O armazenamento de água e as curvas θ(h) e K(θ) variaram em função das características granulométricas e hidrodinâmicas, que diferiram em profundidade, e em relação à posição na encosta e ao tempo de pastejo sobre a mesma. Os íons Ca2+, Mg2+, Al3+, a acidez potencial e a umidade do solo são maiores no ombro e meia encosta, onde há maior concentração de matéria orgânica e argila. K+, Na+, efluxo de CO2, areia e porosidade total são maiores no pedimento, posição que armazena menos água. Houve correlação positiva entre efluxo de CO2 do solo e matéria seca de serrapilheira + forragem. Independentemente da idade de uso da pastagem sobre a encosta, a maior produção foi no pedimento e a menor na meia encosta. A renovação da pastagem reduziu a emissão de CO2, melhorou a qualidade do pasto, e aumentou a produção.
Abstract: The productive capacity of the grassland is related to the age of establishment of these and the characteristics of the soil. In the Brazilian Northeast, grassland soils are generally in hillslope areas, slope hillslope favor variability in soil hydrodynamic properties and result in changes in physical and chemical characteristics. In addition, grassland cultivated on soil without fertilization depend on the cycling of nutrients from the grassland litter, process that results in efflux of CO2 into the atmosphere. Against the foregoing, this work was carried out, divided int three independent but complementary chapters. With the aim of determine the curves retention-θ(h) and hydraulic conductivity-K(θ) and the predominant retention force, use of the Beerkan method to obtain hydrodynamic soil parameters (Chapter I); to evaluate the efflux of CO2 from the soil, the production and quality of the forage and the litter of Urochloa decumbens (Chapter II); and determine the differences in soil CO2 efflux, forage production and quality of grassland of different ages (Chapter III). Chapters I and III were developed in three relief positions: shoulder, backslopes and footslope of two hillslopes under grasslands with different ages of establishment (one with 2 years of use-E2 and one with 22 years of use-E22). Chapter II was developed in the three relief positions, but only on a hillslope (E22). Soil water storage was evaluated using the Diviner 2000 capacitance probe. The hydrodynamic parameters were determined using the BEST model in the Sciliab program 5.3.3. The production of litter dry matter was evaluated with infiltration ring, already the production and the nutrient content in the grassland were obtained with exclusion cages, while the efflux of CO2 was quantified in static chambers. The results indicated granulometric variability among the topographic positions, and in E22 there is more clay than in E2. The water storage and the curves θ(h) and K(θ) varied according to the granulometric and hydrodynamic characteristics, which differed in depth, and in relation to the position on the hillslope and the time of grazing on the same. The íons Ca2+, Mg2+, Al3+, the potential acidity and soil moisture are higher in the shoulder and backslopes, where there is higher concentration of organic matter and clay. K+, Na+, CO2 efflux, sand and total porosity are larger in the footslope, position that stores less water. There was a positive correlation between CO2 efflux of soil and dry matter of litter + forage. Regardless of the age of grassland use on the hillslope, the highest yield was in the footslope and the lowest in the backslopes. The recovery of grassland reduced CO2 emissions, improvement pasture quality, and increased production.
Keywords: Topossequência
Modelo BEST
Umidade do solo
Granulometria
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS AGRARIAS::AGRONOMIA::CIENCIA DO SOLO
metadata.dc.language: por
metadata.dc.publisher.country: Brasil
Publisher: Universidade Federal da Paraíba
metadata.dc.publisher.initials: UFPB
metadata.dc.publisher.department: Solos e Engenharia Rural
metadata.dc.publisher.program: Programa de Pós-Graduação em Ciência do Solo
metadata.dc.rights: Acesso aberto
Attribution-NonCommercial-NoDerivs 3.0 Brazil
metadata.dc.rights.uri: http://creativecommons.org/licenses/by-nc-nd/3.0/br/
URI: https://repositorio.ufpb.br/jspui/handle/123456789/15688
Issue Date: 19-Jun-2019
Appears in Collections:Centro de Ciências Agrárias (CCA) - Programa de Pós-Graduação em Ciência do Solo

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
TS026.pdf2,21 MBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons