Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufpb.br/jspui/handle/123456789/2910
metadata.dc.type: TCC
Title: A experiência homoafetiva feminina na canção Bárbara de Chico Buarque de Hollanda
metadata.dc.creator: Silva, Housiek Franck Marques da
metadata.dc.contributor.advisor1: Rodrigues, Hermano de França
metadata.dc.description.resumo: O objetivo deste trabalho é investigar se houve ou não uma experiência homoafetiva feminina e como foi concebida essa relação entre as personagens Bárbara e Ana de Amsterdã (eu-lírico) na canção Bárbara de Chico Buarque de Holanda e Ruy Guerra, que fez parte da peça Calabar: o elogio da traição dos mesmos autores. A metodologia baseou-se na análise do corpus, sendo interpretada cada estrofe e verso da canção. O referencial teórico utilizado para a composição deste trabalho baseou-se em informações de Menezes (1980 e1982) e Rabelo (2008) a respeito da vida e obra de Chico Buarque; compartilhou os estudos de Arc (2009) e Silva (2014) referentes à homossexualidade feminina na literatura; fundamentou-se em teorias de Rago (2008) e Calligaris (2006) a respeito da prostituição feminina na literatura e também se utilizou de estudos de Foucault (1999) e Beauvoir (1967) para realizar a respectiva análise do corpus. Mediante o que foi analisado, chegou-se a um possível resultado, de que houve sim uma experiência homoerótica feminina entre as personagens da canção e que essa relação lésbica ocorreu apenas uma vez, com o consentimento e correspondência das duas personagens, se for levado em consideração não só a canção, mas também o drama. Portanto, não se pode categorizá-las como lésbicas, visto que ambas, no decorrer da peça, vivenciaram apenas uma experiência homoafetiva entre si, não mantendo um relacionamento duradouro.
Abstract: The objective of this study is to investigate whether or not a homosexual experience feminine and it was designed this relationship between the characters Bárbara e Ana de Amsterdã (lyrical) in the Bárbara song of Chico Buarque de Hollanda and Ruy Guerra, who was part of the play Calabar: O elogio da traição the same authors. The methodology was based on the corpus of analysis, being interpreted every verse and the verse of the song. The theoretical framework for the composition of this work was based on Menezes information (1980 and 1982) and Rabelo (2008) about the life and work of Chico Buarque; shared studies of Arc (2009) and Silva (2014) for to female homosexuality in literature; it was based on theories of Rago (2008) and Calligaris (2006) regarding female prostitution in the literature and also made use of Foucault's studies (1999) and Beauvoir (1967) to carry out analysis of the corpus. By what has been analyzed, came to the possible result that there was rather a homoerotic female experience between the characters of the lesbian relationship occurred only once, with the agreement and correspondence of the two characters, if one takes into account not only the also the drama. Therefore, one can not categorize them as lesbians, as both in the course of the play, experienced only one homosexual experience with each other, not maintainning a lasting relationship.
Keywords: Homoafetividade feminina
Prostituição feminina
Hollanda, Chico Buarque de
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::LINGUISTICA, LETRAS E ARTES::LETRAS::LINGUA PORTUGUESA
metadata.dc.language: por
metadata.dc.publisher.country: Brasil
Publisher: Universidade Federal da Paraíba
metadata.dc.publisher.initials: UFPB
metadata.dc.publisher.department: Letras Clássicas e Vernáculas
metadata.dc.rights: Acesso restrito
URI: https://repositorio.ufpb.br/jspui/handle/123456789/2910
Issue Date: 11-Nov-2015
Appears in Collections:TCC - Letras - Português (Curso presencial)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
HFMS11122015.pdf484,57 kBAdobe PDFView/Open    Request a copy


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons