Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufpb.br/jspui/handle/123456789/3699
metadata.dc.type: TCC
Title: Investigação fitoquímica e quantificação de ácido rosmarínico por CLAE-DAD em Cordia rufescens A.DC
metadata.dc.creator: Silva, Ana Rita Rodrigues de Almeida
metadata.dc.contributor.advisor1: Tavares, Josean Fechine
metadata.dc.contributor.advisor-co1: Costa, Vicente Carlos de Oliveira
metadata.dc.description.resumo: Cordia rufescens A. DC. é uma espécie pertencente a família Boraginaceae, encontrada no Nordeste brasileiro, conhecida popularmente como “ramela de velho”, “grão de galo” ou “pau pombo”. Poucos estudos são encontrados na literatura em relação a esta espécie. Diante disto, decidiu-se estudar seus constituintes com uma abordagem mais precisa utilizando Cromatografia Líquida de Alta Eficiência acoplada a receptor de arranjo de diodo (CLAE-DAD). As folhas de Cordia rufescens foram coletadas no município de Cruz do Espírito Santo – PB, sendo o material identificado pela Profa. Dra. Maria de Fátima Agra e uma exsicata depositada no Herbário Prof. Lauro Pires Xavier, na Universidade Federal da Paraíba sob identificação AGRA 5994. Em seguida, foi seco em estufa de ar circulante à temperatura média de 40 °C, pulverizado em moinho mecânico e submetido a maceração com EtOH a 95%. O extrato etanólico bruto (EEB) (106,10 g) foi dissolvido em uma solução de metanol:água (7:3 v/v) e submetido a um processo de partição com os seguintes solventes: hexano, diclorometano e acetato de etila. A fase acetato de etila foi submetida à cromatografia em coluna, utilizando sílica gel 60 como fase estacionária e como fase móvel, os solventes acetato de etila e metanol, puros e em misturas binárias em ordem crescente de polaridade. Obtendo-se 32 frações que após analise por cromatografia em camada delgada analítica (CCDA) foram reunidas de acordo com os seus respectivos fatores de retenção (Rfs). A fração 12 apresentou-se como uma mancha única, e foi submetida à análise de RMN de 1H e 13C sendo observado que se tratava de uma mistura, portanto esta foi submetida à análise por Cromatografia Líquida de Alta Eficiência (CLAE) em escala preparativa e resultou nas substâncias identificadas ácido rosmarínico. Desta forma, além de constatar a presença de ácido rosmarínico, substância de grande potencial terapêutico, foi realizada a quantificação deste. Para análise cromatográfica do EEB e do padrão foi desenvolvida uma metodologia na qual a fase móvel utilizada foi metanol (MeOH) com água (H2O) ultrapura a 0,1% de ácido fosfórico numa proporção inicial de (38:48 v/v) MeOH / H2O. A corrida teve um tempo total de 60 minutos. A eluição foi realizada em modo gradiente, de 38 a 42% em 5 min, 42 a 45% em 9 min, 45 a 50% em 12 min, 50 a 45% em 15 min, 45 a 40% em 17 min, 40 a 38% em 20 min, 38 a 38% em 23 min, permanecendo isocrático até 60 min. O volume de injeção foi de 20 μL, com fluxo de fase móvel constante de 1,0 mL / min e a detecção foi feita utilizando um detector de arranjo fotodiodo (DAD) em comprimento de onda de 330 nm. Após a análise dos dados obtidos foi possível então observar que para cada 5 mg de EEB a quantidade de ácido rosmarínico é 71,9252 ± 1,8637 μg. Os resultados desse trabalho mostraram o isolamento e a quantificação do ácido rosmarínico na espécie Cordia rufescens contribuindo para o estudo quimiotaxonômico e futura padronização do extrato do vegetal.
Abstract: Cordia rufescens A. DC. is a species belonging to a Boraginaceae family, found in the Brazilian Northeast, popularly known as "ramela de velho", "grão de galho" or "pau pombo". Few studies are found in the literature regarding this species. In view of this, it was decided to study its constituents with a more accurate approach using High Efficiency Liquid Chromatography connected a diode arrangement receiver (HPLC-DAD). As Cordia rufescens leaves were collected in the municipality of Cruz do Espírito Santo - PB, the material identified by Profa. Dr. Maria de Fátima Agra and a deposited exsicata not Herbarium Prof. Lauro Pires Xavier, at the Federal University of Paraíba under identification AGRA 5994. It was then dried in a circulation oven at an average temperature of 40 ° C, pulverized in a mechanical mill and subjected to a maceration with 95% EtOH. The crude ethanolic extract (BSA) (106.10 g) was dissolved in a methanol: water (7:3 v/v) solution and partitioned with the following solvents: hexane, dichloromethane and ethyl acetate. The ethyl acetate phase was subjected to column chromatography, using gel 60 as the stationary phase and as the mobile phase, ethyl acetate and methanol solvents, pure and in batch mixtures in increasing order of polarity. Obtaining 32 fractions which are then analyzed by analytical thin layer chromatography (TLC) were pooled according to their own retention factors (Rfs). Fraction 12 presented as a single spot, and was subjected to 1H and 13C NMR analysis and it was observed that it was a mixture, so it was subjected to the analysis by High Performance Liquid Chromatography (HPLC) on a preparative scale and resulted in the substances identified rosmarinic acid. Thus, in addition to finding a presence of rosmarinic acid, a substance with great therapeutic potential, a quantification of this was performed. (38:48 v/v) MeOH/H2O. Chromatographic analysis of BSE and the standard was developed a methodology in which the mobile phase used for methanol (MeOH) with water a run ran a total time of 60 minutes. Production was performed in gradient mode, 38 to 42% in 5 min, 42 to 45% in 9 min, 45 to 50% in 12 min, 50 to 45% in 15 min, 45 to 40% in 17 min, 40 38% in 20 min, 38 to 38% in 23 min, remaining isocratic for up to 60 min. The injection volume was 20 μL, mobile phase flow of 1.0 mL/min and a detection was done using a photodiode array detector (DAD) at wavelength of 330 nm. After an analysis of the data obtained, it was observed for every 5 mg of BSE an amount of rosmarinic acid is 71.9252 ± 1,8637 μg The results of this work are revealed and isolated and a quantification of rosmarinic acid in the species Cordia rufescens contributing to the chemotaxonomic study and standardization of the vegetable extract.
Keywords: Boraginaceae
Cordia rufescens
Ácido rosmarínico
Farmácia
Farmacologia
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS DA SAUDE::FARMACIA
metadata.dc.language: por
metadata.dc.publisher.country: Brasil
Publisher: Universidade Federal da Paraíba
metadata.dc.publisher.initials: UFPB
metadata.dc.publisher.department: Farmacologia
metadata.dc.rights: Acesso aberto
URI: https://repositorio.ufpb.br/jspui/handle/123456789/3699
Issue Date: 29-Nov-2017
Appears in Collections:TCC - Farmácia

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
ARRAS07122017.pdf2,09 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons