Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufpb.br/jspui/handle/123456789/4533
metadata.dc.type: TCC
Title: EFEITOS DA ORQUIECTOMIA SOBRE O COMPORTAMENTO E O SURGIMENTO DE AFECÇÕES URINÁRIAS EM FELINOS DOMÉSTICOS
metadata.dc.creator: Nogueira, Viviane Matias
metadata.dc.contributor.advisor1: Buquera, Luiz Eduardo Carvalho
metadata.dc.contributor.referee1: Medeiros, Carla Fernanda da Conceição
metadata.dc.contributor.referee2: Talieri, Ivia Carmem
metadata.dc.description.resumo: A castração ou orquiectomia refere-se à remoção das gônadas. É um procedimento que auxilia no controle populacional por meio da infertilidade do macho. Contribui ainda na inibição ou redução de comportamentos indesejáveis como agressividade, perambulação e marcação territorial, como também na prevenção de doenças. Estudos relacionam a castração como provável contribuinte para o aumento de peso, devido às alterações provoca no metabolismo, e que acabam contribuindo para a ocorrência de algumas síndromes como a doença do trato urinário inferior dos felinos (DTUIF), que apresenta etiologia idiopática e ocorre comumente em machos devido suas características anatômicas. Objetivou-se avaliar os efeitos da orquiectomia sobre o comportamento e o surgimento de afecções urinárias em felinos domésticos, sob a perspectiva de seus tutores. Foram avaliados 63 felinos do sexo masculino, castrados a partir dos quatro meses de idade. A pesquisa foi realizada por meio da aplicação de questionários referentes ao comportamento e ocorrência de problemas urinários antes e após orquiectomia. Os tutores foram contatados por meio de ligações telefônicas, visitas domiciliares e entrevistas presenciais. O principal motivo que levou os tutores a castrarem seus animais foi à busca por modificações comportamentais, principalmente em relação às fugas (citadas 33 vezes), que ocorreram em 57% dos animais antes da castração, reduzindo para 63% após a castração. Verificaram-se também ocorreram reduções de hábitos como: agressividade, hábito de montar em outros animais e a marcação com urina. Após o procedimento 70% dos animais apresentaram ganho de peso, 61,9% ficaram mais preguiçosos. Em relação aos problemas urinários, 6,3% e 17,5% dos animais tiveram problemas urinários, antes e após a castração, respectivamente. Dos animais que tiveram estas alterações, 100% se alimentavam de ração seca, 81,81% apresentaram ganho de peso após a castração, 72,72% tinham acesso à água em pote único e 27,28% em vários potes. 95% dos tutores ficaram satisfeitos com os efeitos da castração em seu gato, devido alterações observadas em seu comportamento. De forma geral, a castração é um método eficaz para controle populacional e em alguns casos pode contribuir para alterações comportamentais, quando estas são expressas pelo fator hormonal. Não se tem comprovação científica que associe a castração à ocorrência de problemas urinários, mas ela parece aumentar a sua incidência, provavelmente devido às alterações que causa no metabolismo. Sendo observada ainda maior prevalência de DTUIF em gato castrados em idade convencional.
Abstract: Castration or orchiectomy refers to removal of the gonads. It is a procedure that assists in population control through male infertility. It also contributes to the inhibition or reduction of undesirable behaviors such as aggression, perambulation and territorial marking, as well as in disease prevention. Studies related to castration as a likely contributor to weight gain, due to changes in metabolism, and that contribute to the occurrence of some syndromes such as feline lower urinary tract disease (FUDD), which presents idiopathic etiology and occurs commonly in males due to their anatomical characteristics. The objective of this study was to evaluate the effects of orchiectomy on the behavior and appearance of urinary affections in domestic cats, from the perspective of their tutors. It was evaluated 63 male felines, castrated from four months of age. The research was performed through the application of questionnaires regarding the behavior and occurrence of urinary problems before and after orchiectomy.The tutors were contacted through telephone calls, home visits and face-to-face interviews. The main reason that led the tutors to castrate their animals was the search for behavioral changes, mainly in relation to the 33-fold leakage, which occurred in 57% of the animals before castration, reducing to 63% after castration. There were also reductions in habits such as: aggressiveness, habit of riding in other animals and marking with urine. After the procedure, 70% of the animals presented weight gain, 61.9% became more lazy. Regarding urinary problems, 6.3% and 17.5% of the animals had urinary problems, both before and after castration, respectively. Of the animals that had these alterations, 100% fed dry rations, 81.81% presented weight gain after castration, 72.72% had access to water in a single pot and 27.28% in several pots. 95% of tutors were satisfied with the effects of castration on their cat, due to observed changes in their behavior. In general, castration is an effective method for population control and in some cases may contribute to behavioral changes when these are expressed by the hormonal factor. There is no scientific evidence to associate castration with the occurrence of urinary problems, but it seems to increase its incidence, probably due to the changes it causes in metabolism. Still higher prevalence of DTUIF in castrated cats of conventional age was observed.
Keywords: Castração
Obstrução uretral
Agressividade
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS AGRARIAS::MEDICINA VETERINARIA
metadata.dc.language: por
metadata.dc.publisher.country: Brasil
Publisher: Universidade Federal da Paraíba
metadata.dc.publisher.initials: UFPB
metadata.dc.publisher.department: Ciências Veterinárias
metadata.dc.rights: Acesso aberto
URI: https://repositorio.ufpb.br/jspui/handle/123456789/4533
Issue Date: 9-Jul-2018
Appears in Collections:TCC - Medicina Veterinária

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
VMN18072018.pdf1,01 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.