Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufpb.br/jspui/handle/123456789/924
metadata.dc.type: TCC
Title: Perfil epidemiológico das micoses superficiais causadas por leveduras do gênero Candida em laboratório de João Pessoa-PB
metadata.dc.creator: Costa, Aratã Oliveira Cortez
metadata.dc.contributor.advisor1: Lima, Edeltrudes de Oliveira
metadata.dc.description.resumo: Perfis epidemiológicos de todo o mundo indicam que as micoses superficiais estão entre as doenças humanas mais comuns. Acr edita - se que afetam 20% a 25% da população mundial, interferindo na exe cução das tarefas diárias e em práticas desportivas realizadas pelos pacientes acometidos. As leveduras do gênero Candida têm grande importância pela alta frequência com que colonizam e infectam o hospedeiro humano. Espécies de Candida fazem parte da microbiota normal da pele, boca, trato gastrintestinal e trato geniturinário. Entretanto, estes micro - organismos comensais tornam - se patogênicos caso ocorram alterações nos mecanismos d e de fesa do hospedeiro. Em todo o mundo estima - se que 25% a 50% dos indivíduos sadios possuam Candida como parte da microbiota normal da boca, sendo C. albicans responsável por 70% a 80% dos isolados. As micoses não constituem doenças de notificação obrigatóri a, assim não se tem ideia exata da extensão do problema no estado da Paraíba. Tal fato mostra a necessidade de realização periódica de levantamentos da frequência das micoses e de seus agentes etiológicos, como medida de prevenção epidemiológica. Assim, es se trabalho objetivou contribuir para o conhecimento da atual frequência e etiologia das micoses superficiais causadas por leveduras do gênero Candida ocorridas no município de João Pessoa - PB. Foram analisados todos os resultados de exames micológicos dos pacientes atendidos em laboratório privado, dur ante o período de agosto de 2010 a setembro de 2014, obtendo um total de 2479 laudos. O laudo consta de resultado do exame micológico direto e cultura . Com relação às espécies do gênero Candida envolvidas no estudo, ob servou - se 79 (27,4%) amostras positivas para C. krusei , 69 (24,0%) casos de C. tropicalis, 69 (24,0%) casos de C. albicans , 29 (10,1%) casos de C. guillermondi. Com uma predominância no gênero feminino (75%) e de laudos positivos na região das unhas, (onicom icoses) (60%), que difere dos dados epidemiológicos normais do Brasil. Sendo assim faz - se necessário estudo mais abrang ente sobre o tema e uma formulação de um perfil epidemiológico regional.
Abstract: Epidemiological profiles indicate that superficial mycoses are among the most common human diseases. It is believed that affect 20% to 25% of the world pop ulation, affecting the execution daily tasks and sporting activities undertaken by affected patients. The Candida yeasts have a great importance for the high frequency which colo nize and infect the human host. Candida species are part of the normal flora of the skin, mouth, gastrointestinal tract and genitourinary tract. However, these commensal microorganisms become pathogenic if there are changes in host defense mechanisms . Worl dwide it is estimated that 25% to 50% of healthy individuals have Candida as part of the normal oral microbiota, with C. albicans accounts for 70% to 80% of the isolates. Fungal infections are not notice a ble diseases, so do not have exact idea of the exten sion problem in the state of Paraíba. This fact shows the need to perform periodic surveys of the frequency of mycosis and its etiological agents, as a measure of epidemiological prevention. Thus, this study aimed to contribute to the knowledge of the curr ent frequency and etiology of superficial mycoses caused by Candida yeasts occurred in the city of João Pessoa, PB. We analyzed all the results of myco logi cal of patients seen in a private laboratory during the period August 2010 to September 2014, obtaining a t otal of 2479 reports. The award consists of a result of the direct mycological examination and culture. Regarding the Candida species involved in the study, there were 79 (27.4%) positive for C. krusei, 69 (24.0%) cases of C. tropicalis, 69 (24.0%) cases o f C. albicans , 29 (10.1%) cases of C. guillermondi. With a higher prevalence in women (75%) and positive reports in the region of the nails (onychomycosis) (60%). What differs from the normal epidemiological data from Brazil. Therefore it is necessary to m ore comprehensive studies on the subject and a formulation of a regional epidemiological profile
Keywords: Candida
Epidemologia- João Pessoa-PB
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ:: Ciências da Saúde: Farmácia
Publisher: Universidade Federal da Paraíba
metadata.dc.publisher.initials: UFPB
URI: https://repositorio.ufpb.br/jspui/handle/123456789/924
Issue Date: 18-May-2015
Appears in Collections:TCC - Farmácia

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
AOCC18052015.pdf1,05 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.