Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufpb.br/jspui/handle/tede/4282
metadata.dc.type: Dissertação
Title: Metabolismo de flúor e cálcio de indivíduos residentes em uma área de fluorose endêmica no estado da paraíba antes e após a implantação de um sistema de desfluoretação.
metadata.dc.creator: Brasileiro Junior, Vilson Lacerda
metadata.dc.contributor.advisor1: Luna, Anibal Henrique Barbosa
metadata.dc.description.resumo: A calcificação na artéria carótida (CAC) é uma das complicações mais graves e frequentes que ocorre nos pacientes portadores de doença renal crônica. Nos últimos anos, a literatura odontológica tem alertado os cirurgiões-dentistas quanto à possibilidade de a radiografia panorâmica detectar essas lesões. Entretanto, pouco se sabe a respeito da confiabilidade desse método no diagnóstico dessas calcificações. Assim, o objetivo do presente trabalho foi avaliar por meio de dois artigos científicos a prevalência de CAC nas radiografias panorâmicas digitais (RPD) de doentes renais crônicos sob tratamento de hemodiálise e verificar se esse exame pode ser confiável no diagnóstico dessas lesões. O primeiro artigo analisou a prevalência das calcificações nas RPD de doentes renais crônicos e comparou esse resultado com os achados radiográficos de um grupo de pacientes saudáveis. A análise estatística pelo teste qui-quadrado revelou diferença significativa (p< 0.001) na prevalência dessas lesões entre os grupos avaliados, uma vez que 28% (n= 14) das radiografias dos pacientes que realizavam hemodiálise apresentavam imagens de CAC, enquanto que apenas 2% (n=1) das radiografias do grupo controle possuíam essas imagens. O segundo artigo verificou a confiabilidade da RDP no diagnóstico da CAC, comparando os resultados obtidos nesse exame com os da ultrassonografia (USG). Os parâmetros utilizados para essa avaliação foram a precisão, sensibilidade, especificidade e o valor preditivo positivo. Os resultados mostraram que a radiografia panorâmica foi precisa em diagnosticar 71,43% dos casos de CAC confirmados pela ultrassonografia, apresentando baixa sensibilidade (37.93%), alta especificidade (95.12%) e bom valor preditivo positivo (84.61%). Além disso, o teste de McNemar revelou uma diferença estatisticamente significante (p< 0.001) entre a capacidade de diagnosticar CAC da RPD, quando comparada à USG. Diante do exposto, pode-se concluir que os doentes renais crônicos sob tratamento de hemodiálise são significativamente mais afetados por CAC do que a população saudável e que apesar da RPD não ser indicada como exame de escolha para investigação da presença de CAC, ela pode ser uma ferramenta útil no diagnóstico de lesões em pacientes assintomáticos.
Abstract: The carotid artery calcification (CAC) is one of the most serious and frequent complications occurring in patients with chronic kidney disease. In recent years, the dental literature has warned dentists about the possibility of panoramic radiography to detect these lesions. However, little is known about the reliability of this method in the diagnosis of calcifications. The objective of this study was to evaluate by means of two scientific articles the prevalence of CAC in digital panoramic radiographs (DPR) of patients with chronic kidney failure under hemodialysis treatment and see if this examination can be reliable in the diagnosis of these lesions. The first article analyzed the prevalence of calcifications in the DPR of patients with chronic kidney failure and compared these results with the radiographic findings of a group of healthy patients. Statistical analysis using chi-square test revealed a significant difference (p <0.001) in the prevalence of these lesions among the study groups, since 28% (n = 14) of the radiographs of patients on hemodialysis had pictures of CAC, whereas only 2% (n = 1) radiographs of the control group had these images. The second article verified the reliability of the DPR in the diagnosis of CAC, comparing the results of that examination with ultrasonography (USG). The parameters used for this evaluation were precision, sensitivity, specificity and positive predictive value. The results showed that the panoramic radiograph was 71.43% accurate in diagnosing cases of CAC confirmed by ultrasound, with low sensitivity (37.93%), high specificity (95.12%) and good positive predictive value (84.61%). In addition, the McNemar test revealed a statistically significant difference (p <0.001) between the ability of DPR to diagnose CAC compared to the USG. On the above, we can conclude that patients with chronic kidney failure under hemodialysis treatment are significantly more affected by the CAC that the healthy population and that despite the DPR is not indicated as test of choice to investigate the presence of CAC, it can be a useful tool in the diagnosis of lesions in asymptomatic patients.
Keywords: Calcificação - artéria carótida
Doença renal - estágio final
Radiografia panorâmica
Calcification - Carotid artery
Renal disease - End-stage
Panoramic radiographs
metadata.dc.subject.cnpq: CIENCIAS DA SAUDE::NUTRICAO
metadata.dc.language: por
metadata.dc.publisher.country: Brasil
Publisher: Universidade Federal da Paraí­ba
metadata.dc.publisher.initials: UFPB
metadata.dc.publisher.department: Ciências da Nutrição
metadata.dc.publisher.program: Programa de Pós-Graduação em Ciências da Nutrição
Citation: BRASILEIRO JUNIOR, Vilson Lacerda. Metabolismo de flúor e cálcio de indivíduos residentes em uma área de fluorose endêmica no estado da paraíba antes e após a implantação de um sistema de desfluoretação.. 2011. 61 f. Dissertação (Mestrado em Ciências da Nutrição) - Universidade Federal da Paraí­ba, João Pessoa, 2011.
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
URI: https://repositorio.ufpb.br/jspui/handle/tede/4282
Issue Date: 15-Dec-2011
Appears in Collections:Centro de Ciências da Saúde (CCS) - Programa de Pós-Graduação em Ciências da Nutrição

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
arquivototal.pdf1,35 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.