Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufpb.br/jspui/handle/tede/6135
metadata.dc.type: Dissertação
Title: Deaf Accessibility as a Service: uma arquitetura escalável e tolerante a falhas para o sistema de tradução VLIBRAS
metadata.dc.creator: Falcão, Eduardo de Lucena
metadata.dc.contributor.advisor1: Duarte, Alexandre Nóbrega
metadata.dc.description.resumo: Os surdos enfrentam sérias dificuldades para acessar informações. O fato é que eles se comunicam naturalmente através de línguas de sinais, ao passo que, para a maioria deles, as línguas orais são consideradas apenas uma segunda língua. Quando projetadas, as Tecnologias de Informação e Comunicação (TIC) raramente consideram as barreiras que os surdos enfrentam. É comum que desenvolvedores de aplicações não contratem intérpretes de línguas de sinais para prover uma versão acessível de sua aplicação para surdos. Atualmente existem ferramentas de tradução automática de línguas orais para línguas de sinais, mas, infelizmente, elas não são disponibilizadas à terceiros. Para reduzir esses problemas, seria interessante a disponibilização pública de um serviço de tradução automática entre línguas orais e línguas de sinais. Este é o objetivo geral deste trabalho: utilizar um sistema pré-concebido de tradução automática da língua portuguesa para Língua Brasileira de Sinais (LIBRAS), chamado VLIBRAS, e prover Deaf Accessibility as a Service1 (DAaaS) de forma pública. A ideia é abstrair problemas inerentes no processo de tradução entre a língua portuguesa e LIBRAS através da disponibilização de um serviço que realize a tradução automática de conteúdos multimídia para LIBRAS. O VLIBRAS foi primariamente implantado como um sistema centralizado, e essa arquitetura convencional apresenta algumas desvantagens quando comparada à arquiteturas distribuídas. Neste trabalho, propomos uma arquitetura distribuída para prover este serviço de forma escalável e tolerante a falhas. A escalabilidade e tolerância a falhas da solução proposta foi validada através de um projeto de experimentos. Para concepção deste serviço, é utilizado o paradigma de computação em nuvem para incorporar os seguintes benefícios adicionais: transparência, alta disponibilidade, e uso eficiente dos recursos.
Abstract: Deaf people face serious difficulties to access information. The fact is that they communicate naturally through sign languages, whereas, to most of them, the spoken languages are considered only a second language. When designed, Information and Communication Technologies rarely take into account the barriers that deaf people face. It is common that application developers do not hire sign languages interpreters to provide an accessible version of their application to deaf people. Currently, there are tools for automatic translation from spoken languages to sign languages, but, unfortunately, they are not available to third parties. To reduce these problems, it would be interesting if any automatic translation service could be publicly available. This is the general goal of this work: use a preconceived machine translation from portuguese language to Brazilian Sign Language (LIBRAS), named VLIBRAS, and provide Deaf Accessibility as a Service (DAaaS) publicly. The idea is to abstract inherent problems in the translation process between the portuguese language and LIBRAS by providing a service that performs the automatic translation of multimedia content to LIBRAS. VLIBRAS was primarily deployed as a centralized system, and this conventional architecture has some disadvantages when compared to distributed architectures. In this paper we propose two distributed architectures in order to provide a scalable service and achieve fault tolerance. Scalability and fault tolerance were validated through experiments. For conception of this service, it is used the cloud computing paradigm to incorporate the following additional benefits: transparency, high availability, and efficient use of resources.
Keywords: Computação em nuvem
Processamento paralelo
Acessibilidade
Cloud computing
Parallel processing
Accessibility
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS EXATAS E DA TERRA::CIENCIA DA COMPUTACAO
metadata.dc.language: por
metadata.dc.publisher.country: BR
Publisher: Universidade Federal da Paraí­ba
metadata.dc.publisher.initials: UFPB
metadata.dc.publisher.department: Informática
metadata.dc.publisher.program: Programa de Pós Graduação em Informática
Citation: FALCÃO, Eduardo de Lucena. Deaf Accessibility as a Service: uma arquitetura escalável e tolerante a falhas para o sistema de tradução VLIBRAS. 2014. 143 f. Dissertação (Mestrado em Informática) - Universidade Federal da Paraí­ba, João Pessoa, 2014.
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
URI: https://repositorio.ufpb.br/jspui/handle/tede/6135
Issue Date: 17-Aug-2014
Appears in Collections:Centro de Informática (CI) - Programa de Pós-Graduação em Informática

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
arquivototal.pdf1,73 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.