Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufpb.br/jspui/handle/tede/6235
metadata.dc.type: Dissertação
Title: Da Oralidade à Escrita: uma leitura semiótica de narrativas tradicionais populares.
metadata.dc.creator: Lima Filho, Jailto Luis Chaves de
metadata.dc.contributor.advisor1: Batista, Maria de Fátima Barbosa de Mesquita
metadata.dc.description.resumo: O romanceiro tradicional apresenta muitas semelhanças com o folheto de cordel. Os limitesentre ambos são apontados pelos estudiosos no que diz respeito ao código linguísticoutilizado, oral para o romanceiro e escrito para o cordel. Como ocorre com o romance oral,muitos cordéis são também tradicionais, tendo atravessado gerações na memória de poetaspopulares. No entanto, lendo um romance de cordel e um romance oral, observam-sediferenças estruturais marcantes entre eles, o que nos levou a realizar o presente trabalho, queteve por objetivo caracterizar as duas peças populares do ponto de vista de suadiscursivização, destacando as semelhanças e diferenças entre ambas. Como aparato teórico,optamos pelos modelos atuais da Semiótica Greimasiana, mais especificamente pelo daSociossemiótica e da Semiótica das Culturas. Utilizamos como corpus duas narrativaspopulares tradicionais, O Pavão do Mestre e O Soldado Jogador, cada um com uma versãocoletada na oralidade, e uma narrativa de um folheto de cordel. As análises realizar-se-ãotendo em vista o percurso da significação, nas três camadas geradoras de sentido, a narrativa,a discursiva e a fundamental. Pensamos neste trabalho, inicialmente, como uma forma decolaborar para uma revalorização do saber produzido culturalmente pelo povo. Cabe ressaltarque a Paraíba é atualmente um dos principais pontos de irradiação da cultura popular. Isso sedeve, em grande parte, à UFPB, que se revela uma Instituição capacitada a desenvolver,analisar e divulgar a produção de tais manifestações históricas, sociais e artísticas
Abstract: The traditional popular roman is very alike with the cordel leaflet. The lacks between both are highlighted by some expertise with respect to the linguistic code one made use of, which is oral for the popular roman and written for the cordel. Alike the oral Roman, other pieces of work are also traditional throughout generations kept by poets memories. However, by reading a cordel novel or an oral roman one observes some important structural differences among them which are the purpose of this paper. On being so, the aim of this study is to characterize two popular plays by considering their discursive features in order to draw a comparative analysis in similitude and difference. As theoretical basis, one considered the updated models offered by the Greimasian Semiotics, more specifically the Sociosemiotics and the Semiotics of Cultures. As the works to be analyzed, one examined two traditional popular narratives, O Pavão do Mestre and O Soldado Jogador, each of them were collected both in oral tradition and in leaflets such as cordel like. The analysis took basis on the process of meaning in three stages of significance, such as: narrative, discursive and fundamental. One intended to collaborate for popular culture by studying its peculiarities. It is also important to emphasize that Paraíba is a place where this popular culture is mostly studied and considered as important craft for keeping a people s memory. Most of the times, one credits this attitude to UFPB which is a reknown institution held responsible for developing, analyzing and broadcasting the production of such historic, social and artistic manifestations.
Keywords: Literatura popular
Cultura popular
Oralidade e escrita.
Popular Literature
Semiotics
Orality and Writing
metadata.dc.subject.cnpq: LINGUISTICA, LETRAS E ARTES::LETRAS
metadata.dc.language: por
metadata.dc.publisher.country: BR
Publisher: Universidade Federal da Paraí­ba
metadata.dc.publisher.initials: UFPB
metadata.dc.publisher.department: Letras
metadata.dc.publisher.program: Programa de Pós-Graduação em Letras
Citation: LIMA FILHO, Jailto Luis Chaves de. Da Oralidade à Escrita: uma leitura semiótica de narrativas tradicionais populares. 2013. 88 f. Dissertação (Mestrado em Letras) - Universidade Federal da Paraí­ba, João Pessoa, 2013.
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
URI: https://repositorio.ufpb.br/jspui/handle/tede/6235
Issue Date: 22-Apr-2013
Appears in Collections:Centro de Ciências Humanas, Letras e Artes (CCHLA) - Programa de Pós-Graduação em Letras

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
ArquivoTotal.pdf1,73 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.