Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufpb.br/jspui/handle/tede/9165
metadata.dc.type: Dissertação
Title: A sexualidade na escola: a voz do silêncio
metadata.dc.creator: Santos, Agilcelia Carvalho dos
metadata.dc.contributor.advisor1: Aldrigue, Ana Cristina de Sousa
metadata.dc.description.resumo: Essa pesquisa tem como objetivo analisar os enunciados discursivos, numa perspectiva foucaultiana, nos textos argumentativos dos alunos do 3º ano do Ensino Médio, a fim de compreender qual a representação desses alunos em relação à diversidade sexual e os direitos dos alunos homossexuais. Partiremos da seguinte questão: a escola como agência do conhecimento proporciona a desideologização e, consequentemente, o acolhimento solidário das pessoas que se comportam de uma forma diferenciada, em relação à heteronormatividade? Apesar da incompletude dessa pesquisa (espero que seja o começo de outros trabalhos) podemos perceber que o tabu e o silêncio ainda imperam na escola e isso contribui para a evasão, o fracasso acadêmico e pessoal desses jovens e adolescentes que, por não suportarem a pressão física e psicológica se voltam para o uso de drogas, tentam e/ou praticam o suicídio, passam a vida fugindo de si mesmas e não conseguem desenvolver relações sociais saudáveis com parceiros e com a sociedade de maneira geral. É possível observar que o bullyng homofóbico também contribui com a indisciplina uma vez que a escola não procura resolvê-lo de forma eficaz. Felizmente algumas escolas já despertaram para a urgência de discutir a diversidade sexual como forma de diminuir o ódio e a intolerância, minimizando, dessa forma os sérios problemas educacionais e sociais.
Abstract: This research aims to analyze the statements discourse in Foucault's perspective on argumentative texts of students of the 3rd year, in order to understand what the epresentation of these students regarding sexual diversity and gay rights. The school as a knowledge agency provides the de-ideology and consequently the solidarity with people who behave in a different way in relation to heteronormativity? During the research we realized that the taboos and silence still prevails in school and this contributes to the avoidance, academic and personal failure of these young people and teenagers, not to bear the physical and psychological pressure turn to drug use, try and / or practice suicide, they spend their lives running away from themselves and fail to develop healthy social relationships with partners and the general society. You can see that homophobic bullying also contributes to indiscipline as the school does not seek to solve it effectively. Fortunately some schools have awakened to the urgency of discussing gender and sexual diversity as a way to reduce hatred and intolerance, thus minimizing the serious educational and social problems.
Keywords: Diversidade sexual
Educação
Currículo
Diversity sexuality
Education curriculum
metadata.dc.subject.cnpq: LINGUISTICA::TEORIA E ANALISE LINGUISTICA
metadata.dc.language: por
metadata.dc.publisher.country: Brasil
Publisher: Universidade Federal da Paraíba
metadata.dc.publisher.initials: UFPB
metadata.dc.publisher.department: Linguística e ensino
metadata.dc.publisher.program: Mestrado Profissional em Linguística
Citation: SANTOS, Agilcelia Carvalho dos. A sexualidade na escola: a voz do silêncio. 2017. 118 f. Dissertação (Mestrado Profissional em Linguística) - Universidade Federal da Paraíba, João Pessoa, 2017.
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
URI: https://repositorio.ufpb.br/jspui/handle/tede/9165
Issue Date: 7-Apr-2017
Appears in Collections:Centro de Ciências Humanas, Letras e Artes (CCHLA) - Mestrado Profissional em Linguística

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
arquivototal.pdfArquivo Total5,42 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.