Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufpb.br/jspui/handle/123456789/11670
metadata.dc.type: Dissertação
Title: Zarpo Desvairado: A transgressão espaço- temporal em Macunaíma
metadata.dc.creator: Neves, Siméia de Castro Ferreira
metadata.dc.contributor.advisor1: Araujo, Arturo Gouveia de
metadata.dc.description.resumo: O presente trabalho tem como objeto de estudo a obra marioandradiana Macunaíma, na qual investigamos os deslocamentos de transgressão espacial realizados pelo protagonista. No referido romance, percebe-se que o herói tapanhuma percorre vários lugares do território nacional e fronteiriço na tentativa de reaver seu amuleto sagrado, estimada recordação de sua amada Ci, a Mãe do Mato. Todavia, dentre os espaços que compõem a narrativa, verificamos que tal personagem não realiza um deslocamento linear. Posto isto, objetivamos com essa análise: detectar o ponto mais alto da categoria estudada, entender o contexto do mesmo, além de saber quais os instantes de violação espacial nele explicitados e a(s) motivação(ões) para tal (re)ocorrência. Sendo assim, tratamos das concepções topoanalíticas, ou seja, o espaço na perspectiva literária, a partir dos postulados de Borges Filho (2008). Para a apresentação do espaço na obra supramencionada, utilizamos os estudos de Proença (1978), seguido de um mapeamento dos deslocamentos em que a personagem principal viola os princípios da física moderna e uma tipologia espacial da rapsódia. Para falarmos sobre o clímax da transgressão espacial, tomamos como alicerce os estudos de Benjamin (1985), Lopez (1988), Candido (2008) e Teles (2009), conjecturando três motivações principais para essa constante violação espacial e também temporal, a saber: as perseguições sofridas pelo protagonista, a interferência da voz narrativa e/ou a proposta estética modernista.
Abstract: The present paper has as object of study the work of Mario de Andrade “Macunaíma”, in which we investigate the displacements of spacial transgression performed by the protagonist. In the above-mentioned novel, we noticed that the tapanhuma hero wanders through several places of national and international territories trying to recover his sacred amulet, dear remembrance of his beloved Ci, the mother of woods. However, among the spaces that make up the story, we realized that such character does not accomplish a linear displacement. With that said, we aim with this analysis: find the highest level in the studied category, understand its context, besides knowing which moments of spacial violation are explicit and what are the motives for such occurrences. Therefore, we resorted to the physical and literary conceptions about space in the laws of Borges Filho (2008). For the presentation of space in the above-mentioned work we used the studies of Proença (1978), followed by a map of the displacements in which the main character breaks the principles of modern physics. In order to analyse the clímax of space transgression, we used as foundation the studies of Benjamin (1985), Lopez (1988), Candido (2008) and Teles (2009), proposing three main motives for this constant violation, such as: the persecutions suffered by the protagonist, the interference of the narrative voice and/orr the modernist esthetical proposal.
Keywords: Macunaíma
Deslocamentos
Transgressão espaço-temporal
Mário de Andrade
Macunaíma
Displacements
Space trangression
Mário de Andrade
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::LINGUISTICA, LETRAS E ARTES::LETRAS
metadata.dc.language: por
metadata.dc.publisher.country: Brasil
Publisher: Universidade Federal da Paraíba
metadata.dc.publisher.initials: UFPB
metadata.dc.publisher.department: Letras
metadata.dc.publisher.program: Programa de Pós-Graduação em Letras
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
URI: https://repositorio.ufpb.br/jspui/handle/123456789/11670
Issue Date: 8-Mar-2016
Appears in Collections:Centro de Ciências Humanas, Letras e Artes (CCHLA) - Programa de Pós-Graduação em Letras

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Arquivototal.pdfArquivo total4,45 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.