Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufpb.br/jspui/handle/123456789/12189
metadata.dc.type: TCC
Title: Avaliação da qualidade do sono, sonolência diurna, insônia e cronotipo em atletas de basquete
metadata.dc.creator: Medeiros, Artur de Araújo
metadata.dc.contributor.advisor1: Santos, Amilton da Cruz
metadata.dc.description.resumo: Introdução: O sono tem um papel de fundamental importância na recuperação e consequente desempenho esportivo. Objetivo: Identificar a qualidade do sono, a sonolência diurna, o cronotipo e a gravidade da insônia de atletas de basquete, participante do campeonato estadual de basquete do ano de 2017. Métodos: Foram estudados os hábitos do sono de 13 atletas com idades entre 15 e 21 anos através da aplicação dos questionários: Índice de Qualidade do Sono de Pittsburgh, Escala de Sonolência de Epworth, Escala Matutina e Noturna para Atletas e o Índice de Gravidade da Insônia. Resultados: Verificamos que 92% dos atletas apresentaram uma qualidade do sono ruim, 62% apresentaram presença de insônia, 70% relataram não ter sonolência diurna excessiva e quanto ao cronotipo 77% foram classificados como nenhum tipo. Conclusão: Concluímos que os atletas de basquete estudados não reportaram sonolência diurna excessiva; não apresentam nenhuma preferência por atividades noturnas ou matutinas, contudo, apresentam qualidade de sono ruim e insônia e deste modo medidas preventivas precisam ser realizadas para melhoria destes distúrbios.
Abstract: Introduction: Competitive sports demand great physical and psychological stress, therefore, sleep plays a key role in recovery and subsequent athletic performance. Objectives: Identify the sleep quality, daytime sleepiness, chronotype and the insomnia severity of basketball players, participants of the state basketball championship of the year of 2017. Methods: The sleep habits of 13 basketball players, age between 15 to 21 years old, was studied through the application of the questionnaires: Pittsburgh Sleep Quality Index, Epworth Sleepiness Scale, Morningness and Eveningness Questionnaire and the Insomnia Severity Index. Results: We found that 92% of the athletes had poor sleep, 62% had insomnia, 70% reported no excessive daytime sleepiness, and as to the chronotype 77% were classified as intermediate type. Conclusion: We Concluded that the studied basketball athletes did not report excessive daytime sleepiness; had no preference for night or morning activities, however, presented poor sleep quality and insomnia, and thus preventive measures need to be taken to amend these disorders.
Keywords: Atletas
Sono
Transtornos do sono-vigília
Distúrbios do início e da manutenção do sono
Basquetebol
Educação física
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS DA SAUDE::EDUCACAO FISICA
metadata.dc.language: por
metadata.dc.publisher.country: Brasil
Publisher: Universidade Federal da Paraíba
metadata.dc.publisher.initials: UFPB
metadata.dc.publisher.department: Educação Física
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
URI: https://repositorio.ufpb.br/jspui/handle/123456789/12189
Issue Date: 30-Nov-2017
Appears in Collections:TCC - Educação Física (Bacharelado)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
AAM22122017.pdf3.71 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.