Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufpb.br/jspui/handle/123456789/14059
metadata.dc.type: Dissertação
Title: Qualidade da água, impactos e contribuições para a gestão ambiental do Rio Preto, município de Santa Rita, Paraíba.
metadata.dc.creator: Eiras, Raquel Cruz de França
metadata.dc.contributor.advisor1: Silva, Maria Cristina Basílio Crispim da
metadata.dc.description.resumo: Os diversos usos dados à água têm intensificado os impactos ambientais nos ecossistemas aquáticos. O crescimento urbano mal planejado, sem dúvida, é o maior causador dos danos aos rios através do lançamento de efluentes domésticos e industriais, dentre outras atividades humanas capazes de promover mudanças desastrosas no meio natural. Em todo o mundo, os anúncios quanto à crise de escassez de água potável, alertaram para a necessidade de implementação de um novo modelo de desenvolvimento, que vise à melhoria da qualidade de vida e ambiental para as gerações atuais e futuras. No Brasil, diante da realidade vivenciada, emergiram vários instrumentos legais com a intenção de promover uma gestão ambiental que vise abranger a necessidade da população em geral e de preservação e conservação ambiental. A Lei das Águas, por sua vez, trouxe diversas mudanças para o gerenciamento dos recursos hídricos e é um importante aliado para o trato dos rios urbanos e para a execução de uma gestão ambiental eficaz, especialmente no âmbito municipal. Devido à grande importância da água e de sua conservação para a manutenção e qualidade da vida, o estudo tem por objetivo, analisar a qualidade de água do Rio Preto em Santa Rita, na Paraíba, averiguar os seus principais impactos e propor soluções. Para a análise da qualidade da água foram coletadas amostras de água em pontos previamente definidos. As variáveis analisadas foram: clorofilaa, fósforo total, ortofosfato, compostos nitrogenados (amônia, nitrato e nitrito), oxigênio dissolvido, pH, condutividade elétrica e a comunidade zooplânctônica como indicador de qualidade da água. Os parâmetros que possuem limites préestabelecidos na Resolução CONAMA (357/05), tiveram os resultados comparados com a classificação em que o Rio Preto está enquadrado (classe de 3 de água doce). Também foram levantados os principais impactos a que o rio está sujeito durante todo o seu curso, com o intuito de descrever e apresentar propostas mitigadoras e que diminuam os conflitos socioambientais presentes. Os resultados do monitoramento da qualidade da água demonstraram que alguns parâmetros indicam lançamentos de efluentes não tratados e que o fósforo total, o pH, e o oxigênio dissolvido, apresentaram valores em inconformidade em alguns pontos avaliados de acordo com a resolução, para classe de água em que o rio está enquadrado. O Índice de Estado Trófico (IET), também foi classificado em alguns pontos como hipereutrófico. O biomonitoramento da qualidade da água demonstrou que os impactos ambientais ocorridos ao longo do curso do rio têm refletido na estrutura da comunidade zooplanctônica. A educação ambiental, por sua vez, está inserida em todo o contexto de transformação em que o país se encontra, e não deve deixar de ser mencionada e valorizada. Para tanto, foram desenvolvidas atividades de educação ambiental formal e não-formal, através de palestras e atividades de campo com o intuito de sensibilizar e incentivar os moradores sobre os problemas ambientais enfrentados pelos mesmos. Vê-se assim, a necessidade da implementação de medidas corretivas para que o Rio Preto possua características adequadas para a qual está destinado.
Abstract: The diverse uses given to water have intensified the environmental impacts on aquatic ecosystems. Poorly planned urban development is undoubtedly the greatest cause of damage to rivers through the launching of domestic and industrial effluents, among other human activities capable of promoting disastrous changes in the natural environment. Throughout the world, announcements regarding the crisis of drinking water shortages have warned of the need to implement a new development model that aims to improve the quality of life and the environment for present and future generations. In Brazil, faced with the reality experienced, several legal instruments have emerged with the intention of promoting environmental management that aims to cover the need of the population in general and preservation and conservation of the environment. The Water Law, in turn, has brought several changes to the management of water resources and is an important ally for the treatment of urban rivers and for the implementation of an effective environmental management, especially at the municipal level. Due to the great importance of water and its conservation for the maintenance and quality of life, the study aims to analyze the water quality of Preto river in Santa Rita, Paraíba, to investigate the main impacts and propose solutions. For water quality analysis, water samples were collected at previously defined points. The analyzed variables were: chlorophyll-a, total phosphorus, orthophosphate, nitrogen compounds (ammonia, nitrate and nitrite), dissolved oxygen, pH, electrical conductivity and the zooplankton community as indicator of water quality. The parameters that have limits pre-established in the CONAMA Resolution (357/05), had the results compared with the classification in which the Preto river is classified (class 3 of fresh water). The main impacts to which the river is subject during its entire course have also been raised, with the purpose of describing and presenting mitigating proposals and reducing the present socioenvironmental conflicts. The water quality monitoring results showed that some parameters indicate releases of untreated effluents and that total phosphorus, pH, and dissolved oxygen presented nonconformity values at some points evaluated according to the resolution for water class in which the river is classified. The Trophic State Index (TSI), was also classified in some points as hypereutrophic. Biomonitoring of water quality has shown that the environmental impacts along the course of the river have reflected on the structure of the zooplankton community. Environmental education, in turn, is embedded in the entire context of transformation in which the country is located, and must be mentioned and valued. In order to do so, formal and non-formal environmental education activities were developed through lectures and field activities in order to sensitize and encourage residents about the environmental problems they face. It is seen, the need to implement corrective measures so that Preto river has adequate characteristics for which it is intended.
Keywords: Gestão ambiental
Qualidade de água
Rio urbano
Município
Environmental management
Water quality
Urban river
County
Conservação ambiental
Recursos hídricos - Tratamento
Qualidade da água
Rio Preto (PB) - Conscientização ambiental
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS BIOLOGICAS::ECOLOGIA
metadata.dc.language: por
metadata.dc.publisher.country: Brasil
Publisher: Universidade Federal da Paraíba
metadata.dc.publisher.initials: UFPB
metadata.dc.publisher.department: Gerenciamento Ambiental
metadata.dc.publisher.program: Programa de Pós-Graduação em Desenvolvimento e Meio Ambiente
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
Attribution-NoDerivs 3.0 Brazil
metadata.dc.rights.uri: http://creativecommons.org/licenses/by-nd/3.0/br/
URI: https://repositorio.ufpb.br/jspui/handle/123456789/14059
Issue Date: 27-Feb-2018
Appears in Collections:Centro de Ciências Exatas e da Natureza (CCEN) - Programa de Pós-Graduação em Desenvolvimento e Meio Ambiente

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Arquivototal.pdfArquivototal4,53 MBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons