Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufpb.br/jspui/handle/123456789/14930
metadata.dc.type: Dissertação
Title: Disputas pelos sentidos do estupro no controle da publicidade brasileira: o comercial "invisível" da nova schin sob perspectivas feministas e da análise crítica do discurso
metadata.dc.creator: Fernandes, Leonísia Moura
metadata.dc.contributor.advisor1: Rabenhorst, Eduardo Ramalho
metadata.dc.description.resumo: Nos últimos anos, a discussão sobre as altas taxas de violência sexual contra mulheres ganhou visibilidade no Brasil, gerando interpretações diversificadas, muitas das quais culpam as vítimas pelas agressões vivenciadas, chegando mesmo a casos de incentivo à violência e sua consequente naturalização. Feministas e movimentos de mulheres utilizam-se da expressão “cultura do estupro” para nomear esse fenômeno e chamam a atenção para o fato de ele estar presente em todas as searas e instituições sociais, inclusive na publicidade comercial, a qual exerce papel central na atual fase do capitalismo monopolista. A partir de perspectivas feministas e dos estudos culturais, este trabalho objetiva compreender como a violência sexual contra mulheres pode integrar a cultura de uma sociedade, levando em consideração as estruturas de poder que a organizam. Para tanto, faz-se uso da abordagem metodológica proposta pela Análise Crítica do Discurso (ACD) a fim de interpretar a disputa de sentidos da violência sexual mobilizados por um anúncio publicitário da marca de cervejas Nova Schin que, em 2012, desencadeou centenas de denúncias ao Conselho Nacional de Autorregulamentação Publicitária (CONAR), além de manifestações de rua Brasil afora. O corpus de análise corresponde, assim, ao comercial e às duas representações que tramitaram no CONAR a partir das denúncias. Discute-se a quais ideologias os diferentes discursos acerca da violência sexual contra mulheres se vinculam e como se relacionam com seu enfrentamento e com a luta pela igualdade de gênero.
Abstract: In recent years, the discussion about the high rates of sexual violence against women has gained visibility in Brazil, generating diverse interpretations, many of which blame the victims, including cases of incitement to violence and its consequent naturalization. Feminists and women's movements use the term "rape culture" to name this phenomenon and call attention to the fact that it is present in all sorts of fields and social institutions, including commercial advertising, which exercises a central role in the current phase of monopoly capitalism. From feminist perspectives and cultural studies, this paper aims to understand how sexual violence against women can integrate a culture of a society, taking into account the power structures that organize it. To do so, the methodological approach proposed by the Critical Discourse Analysis (ACD) is used to interpret the dispute of meanings of sexual violence mobilized by a commercial of the Nova Schin beer brand, that, in 2012, triggered hundreds of denunciations to the Conselho Nacional de Autorregulamentação Publicitária (CONAR), in addition to street demonstrations in Brazil. The corpus of analysis corresponds, therefore, to the commercial and the two representations that were processed in the CONAR from the denunciations. It discusses which ideologies the different discourses on sexual violence against women are linked to and how they relate to their confrontation and to the struggle for gender equality.
Keywords: Violência sexual
Gênero e publicidade
Discurso
Sexual violence
Gender and advertisement
Discourse
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS SOCIAIS APLICADAS::DIREITO
metadata.dc.language: por
metadata.dc.publisher.country: Brasil
Publisher: Universidade Federal da Paraíba
metadata.dc.publisher.initials: UFPB
metadata.dc.publisher.department: Ciências Jurídicas
metadata.dc.publisher.program: Programa de Pós-Graduação em Ciências Jurídicas
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
Attribution-NoDerivs 3.0 Brazil
metadata.dc.rights.uri: http://creativecommons.org/licenses/by-nd/3.0/br/
URI: https://repositorio.ufpb.br/jspui/handle/123456789/14930
Issue Date: 19-Apr-2018
Appears in Collections:Centro de Ciências Jurídicas (CCJ) - Programa de Pós-Graduação em Ciências Jurídicas

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Arquivototal.pdfArquivo total1,5 MBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons