Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufpb.br/jspui/handle/123456789/15239
metadata.dc.type: TCC
Title: Educação moral e cívica: marco na educação brasileira (1964-1985)
metadata.dc.creator: Aguiar, Guthierry Cassiano de
metadata.dc.contributor.advisor1: Carvalho, Maria Elizete Guimarães
metadata.dc.description.resumo: O presente trabalho, “Educação Moral e Cívica: marco na educação brasileira (1964- 1985)”, discute a importância do componente Educação Moral e Cívica (EMC) para a legitimação da ditadura civil-militar (1964-1985), considerando as mudanças e alterações na educação ao longo do período autoritário promovidas pelo Decreto-Lei no 869/69. Ressaltamos que a ditadura civil-militar (1964-1985), ao fazer uso da EMC, objetivava uma moral cívico-religiosa e combate ao comunismo. Nessa perspectiva, é fundamental estudar os períodos históricos que causaram grandes mudanças na sociedade e manter viva a memória dos acontecimentos, para que retrocessos não aconteçam novamente. Dentre os autores estudados estão: Germano (2001), Filgueiras (2006), Paviani (2014), Cunha e Góes (1985), Santos (2018), entre outros. O trabalho é delineado como pesquisa qualitativa e utiliza-se de fontes escritas (bibliográficas). Dessa forma, as alterações que ocorreram na disciplina afetaram a educação de forma geral, pois algumas disciplinas perderam parte do seu conteúdo, para que a Educação Moral e Cívica tivesse espaço no currículo escolar, para a formação moral do cidadão. Nessa nova configuração, currículos foram alterados e foi criado um órgão para o controle e fiscalização da EMC, a Comissão Nacional de Moral e Civismo (CNMC), sendo através dessa Comissão, que o governo militar conseguia controlar em parte a educação do país. A CNMC dividia espaço com o Conselho Federal de Educação (CFE), nas reformas e mudanças educacionais, principalmente quando se tratava da disciplina de Educação Moral e Cívica. Nesse sentido, a EMC durante a ditadura civil- militar, fundamentou-se na necessidade de oferecer suporte ideológico à segurança nacional, considerando a ameaça que o país enfrentava. Essas mudanças foram questionadas pelo CFE, que contradizia a obrigatoriedade da disciplina. É importante destacarmos como o estudo da disciplina Educação Moral e Cívica permite que façamos uma análise das mudanças educacionais e seus reais objetivos para a sociedade da época.
Abstract: The present work “Educação Moral e Cívica: sign in the brazilian education (1964 – 1985)” discusses the importance of the component Educação Moral e Cívica (EMC) to the civil-military dictatorship legitimation (1964 – 1985), considering the modifications and changes in the education during the authoritarian period, promoted by the Law 869/69. We had elucidated that the civil-military dictatorship (1964 – 1985), using the EMC, objected a civic-religious moral and communism combat. In this perspective, is fundamental to study the historical periods that caused big modification in the society and keeping alive the occurrences memory to regressions don’t happen again. Between the studied actors, we have: Germano (2001), Filgueiras (2006), Paviani (2014), Cunha e Góes (1985), Santos (2018), and others. The study is delineated as qualitative research and uses written sources (bibliographical). So, the transitions that happened at the grade affected the education, generally, because some grades loosed a part of their content to the Educação Moral e Cívica had space in the school curriculum, to the moral citizen formation. At this new configuration, curriculums were changed and was created an organ to the EMC supervision and control, Comissão Nacional de Moral e Civismo (CNMC), by this Commission, the govern could control a part of the country education. The CMNC divided space with the Conselho Federal de Educação (CFE) in the educational changes and reforms, principally in the case of Educação Moral e Cívica grade. In this manner, the EMC, during the civil-military dictatorship, was founded by the necessity of offering ideological support to the national security seeing the threat that the county was facing. These transitions were questioned by the CFE, that contradicted the grade obligatoriness. Is important to feature how the study of the Educação Moral e Cívica grade lets to do an analyses of the educational changes and their real objectives to the epoch society.
Keywords: Educação moral e cívica
Ditadura civil-militar
Educação
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::EDUCACAO
metadata.dc.language: por
metadata.dc.publisher.country: Brasil
Publisher: Universidade Federal da Paraíba
metadata.dc.publisher.initials: UFPB
metadata.dc.publisher.department: Educação
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
Attribution-NoDerivs 3.0 Brazil
metadata.dc.rights.uri: http://creativecommons.org/licenses/by-nd/3.0/br/
URI: https://repositorio.ufpb.br/jspui/handle/123456789/15239
Issue Date: 14-May-2019
Appears in Collections:TCC - Pedagogia - CE

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
GCA29052019.pdf387,72 kBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons