Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufpb.br/jspui/handle/123456789/15293
metadata.dc.type: TCC
Title: A influência da afetividade na aprendizagem da criança nos anos iniciais do ensino fundamental
metadata.dc.creator: Nogueira, Soraya Ramos
metadata.dc.contributor.advisor1: Guedes, Edson Carvalho
metadata.dc.description.resumo: A afetividade é um tema relevante que se faz presente na vida do ser humano desde o primeiro contato do bebê com sua mãe através do afeto e do carinho e que perpassa todo o seu desenvolvimento, nos aspectos cognitivos, emocionais e sociais. Neste sentido, a dimensão afetiva também tem sua participação no contexto educacional, visto a necessidade da formação do aluno na sua totalidade, contribuindo em um processo de aprendizagem que o capacite a construir suas percepções e seu posicionamento acerca da realidade em que vive. Esta pesquisa foi realizada a partir de leituras sobre a afetividade e sua abordagem relacionada à educação, ocorridas ao longo do curso de Pedagogia. Diante da necessidade de superar o conceito de afetividade relacionado somente as formas de amor e carinho existentes na relação entre professor e aluno, a afetividade foi adotada como objeto principal da pesquisa. Por conter em sua estrutura, a importância no desenvolvimento da criança, especificamente no contexto escolar, em que o professor tem um papel de referência na vida do aluno e com isso contribui no processo de construção do conhecimento, ao qual realiza também interações tanto com o professor como também com seus pares. Utilizando como pressupostos teóricos, Henri Wallon com sua teoria sobre a formação do ser humano e Jean Piaget com a Epistemologia Genética, buscamos na indissociabilidade, compreender a afetividade e o aspecto cognitivo que ocorre na construção do indivíduo descrevendo suas etapas e processos necessários para a evolução do conhecimento da criança. Adotamos a metodologia qualitativa, investigando a opinião de professoras do 1o e 2o ano dos anos iniciais do ensino fundamental de uma Escola Municipal de João Pessoa, Paraíba, sobre suas experiências em sala de aula. Para instrumento de coleta de dados, fizemos uso de questionário e entrevistas. Constatamos, com os resultados obtidos, que a afetividade é capaz de mover a aprendizagem e que diante de situações positivas ou negativas vivenciadas pelo aluno, poderá leva-lo a sentimentos de sucesso ou de fracasso, o que pode dificultar seu processo de aprendizagem. O aluno necessita de experiências que possa encorajá-lo para a realização das atividades com a mediação do professor para auxiliar sempre que necessário.
Abstract: The affectivity is a relevant theme that is present in the life of the human since the baby’s first contact with his mother through love and affection that permeates all his development, in the cognitive, emotional and social aspects. From this, the affective dimension also has it’s participation in the educational context, given the need to train the student is it’s totality, contributing in a learning process that enable the build their perceptions and your position about the reality in which he lives. This research was conducted from readings about the affectivity and it’s approach related to education, occurred during the course of degree in Pedagogy. Faced with the need to overcome the concept of affectivity relates only the forms of love and affection existing in the relationship between teacher and student, affectivity was adopted as the main object of the research. Containing in its structure, the importance in the development of the child, specifically in the school context, in which the teacher has a reference paper on student life and contributes to the process of knowledge construction, to which also interactions both with the teacher as well as with their peers. Using theories of the authors, Henri Wallon with his theory on the formation of the human being and Jean Piaget with the study on Genetic Epistemology, we seek the inseparability (Wallon) or inseparable (Piaget), understand the affectivity and the cognitive aspect that occurs in the construction of the individual describing its stages and processes necessary for the evolution of the child's knowledge. We adopted the qualitative methodology, investigating the opinion of teachers of the 1st and 2nd grade (the initial years) of Elementary School in a Municipal School of João Pessoa, Paraíba, about their experiences in the classroom. For the instrument of data collection, we used a questionnaire and interviews. We note with the results obtained that affectivity is able to move learning and that in the face of positive or negative situations experienced by the student, that lead to feelings of success or failure, which can hamper your learning process. The student needs experiences that can encourage him to carry out the activities with the teacher's mediation to assist whenever necessary.
Keywords: Afetividade
Ensino - aprendizagem
Ensino fundamental
Educação
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::EDUCACAO::ENSINO-APRENDIZAGEM
metadata.dc.language: por
metadata.dc.publisher.country: Brasil
Publisher: Universidade Federal da Paraíba
metadata.dc.publisher.initials: UFPB
metadata.dc.publisher.department: Educação
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
Attribution-NoDerivs 3.0 Brazil
metadata.dc.rights.uri: http://creativecommons.org/licenses/by-nd/3.0/br/
URI: https://repositorio.ufpb.br/jspui/handle/123456789/15293
Issue Date: 9-May-2019
Appears in Collections:TCC - Pedagogia - CE

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
SRN29052019.pdf1,05 MBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons