Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufpb.br/jspui/handle/123456789/3161
metadata.dc.type: TCC
Title: O prazer é todo meu: o caráter pornográfico e as representações do feminino em Porno Pop Pocket
metadata.dc.creator: Oliveira, Juliana Goldfarb de
metadata.dc.contributor.advisor1: Gualberto, Ana Cláudia Félix
metadata.dc.description.resumo: Este trabalho tem como objetivo examinar o caráter pornográfico na obra Porno Pop Pocket, escrita por Paula Taitelbaum e publicada em 2004. A partir do título é possível perceber a transgressão da pornografia convencional, já que essa temática que é considerada por alguns setores culturais como tabu, entra em contato com o pop; isto é, com a cultura midiática de fácil acesso. Além disso, este livro, que é de autoria feminina, rompe com os paradigmas da sociedade falocêntrica ao abordar a sexualidade de modo explícito e a organização dos poemas no livro sugere o ato sexual, em que a mulher, ao abrir as pernas, também se descobre e se revela agente da relação. Pretendo, contudo, verificar até que ponto esse texto subverte a escrita pornográfica convencional, e apresenta uma nova significação para a representação da mulher nesses poemas. O trabalho é dividido em dois capítulos, em que, no primeiro, apresento a fundamentação teórica sobre o que é pornografia, e como se dão suas relações de gênero e, no segundo capítulo, apresento algumas reflexões sobre a poesia pornográfica de autoria feminina, e examino o caráter pornográfico e as representações do feminino em Porno pop pocket. Para realizar tal análise, baseio-me, sobretudo, em conceitos apresentados no livro O discurso pornográfico (2010) e em algumas noções propostas pela crítica feminista contemporânea, que apresenta como foco a literatura escrita por mulheres e sua emancipação da ideologia patriarcal a partir do texto.
Abstract: This study aims to examine the pornographic nature of the work Porno Pop Pocket, written by Paula Taitelbaum and published in 2004. From the title one can see the transgression from standard pornography, since this subject is considered by some cultural sectors as a taboo, here coming into contact with the pop; that is, media culture of easy access. Furthermore, this book, written by a woman, breaks with the paradigms of phallocentric society when it approaches explicitly sexuality, while the poems presentation suggests the sexual act, where the woman, opening her legs also discovers herself, hecoming agent of the intercourse. Nevertheless, I intend to verify how far this text subverts conventional pornographic writing and presents a new meaning to the representation of women in such poems. This work is divided in two chapters. In the first I present the theoretical foundation of what is pornography and how take place its gender relations are represented in it; in chapter two, I present some reflections about pornographic poetry of female authorship and examine the pornographic nature and the representations of “the feminine” and women in Porno pop pocket. To perform such analysis, as my main support the book O discurso pornográfico (2010) and some notions proposed by the contemporary feminist critique, with a focus on literature by women and their emancipation from patriarchal ideology along the text.
Keywords: Pornografia
Poesia pornográfica
Autoria feminina
Paula Taitelbaum
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::LINGUISTICA, LETRAS E ARTES::LETRAS::LINGUA PORTUGUESA
metadata.dc.language: por
metadata.dc.publisher.country: Brasil
Publisher: Universidade Federal da Paraíba
metadata.dc.publisher.initials: UFPB
metadata.dc.publisher.department: Letras Clássicas e Vernáculas
metadata.dc.rights: Acesso restrito
URI: https://repositorio.ufpb.br/jspui/handle/123456789/3161
Issue Date: 16-Apr-2013
Appears in Collections:TCC - Letras - Português (Curso presencial)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
JGO16042013.pdf655,27 kBAdobe PDFView/Open    Request a copy


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons