Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufpb.br/jspui/handle/tede/7204
metadata.dc.type: Dissertação
Title: Representação social das mulheres soropositivas sobre a sua saúde sexual e reprodutiva
metadata.dc.creator: Freire, Cristiane Cavalcanti
metadata.dc.contributor.advisor1: Carneiro, Aurea
metadata.dc.description.resumo: A história da epidemia da Aids, retrata tendências, estigmas, preconceitos, fatores de vulnerabilidades sócio, econômico e culturais, relações de gênero e políticas públicas direcionadas a responder um dado epidemiológico, principalmente, a ações referentes a feminização da Aids no Brasil e na Paraíba. A dissertação buscou compreender e analisar as representações sociais da epidemia da Aids junto as mulheres soropositivas do estado da Paraíba, na perspectiva de gênero e das vulnerabilidades, compreendendo a dimensão da sexualidade em interface da adoção ou não de práticas preventivas relacionadas com o cuidado da sua saúde sexual e reprodutiva, a luz das políticas públicas de saúde destinada a estas mulheres. Identificar as mulheres, seu perfil, desejos, necessidade e sonhos fizeram parte de nossas análises. O estudo revelou a interface entre a cultura machista, patriarcal e vivência das mulheres na sua descoberta do soropositividade, as relações de gênero e as desigualdades existentes entre o mundo produtivo e reprodutivo das mulheres, apontando os dilemas vividos na sexualidade, nos relacionamentos familiares e com suas redes de apoio. Analisar a partir dos discursos sobre o cotidiano soropositivo das mulheres contribui para analisar como são pensadas, ou não, as políticas públicas para este segmento, dar voz possibilita construir um mundo com menos desigualdades e exclusão, torná-las sujeitos de diretos é possibilitar o exercício da cidadania.
Abstract: This article presents a brief review of the history of Aids epidemic, analyzing tendencies, stigma, prejudice, factors of social, economic and cultural vulnerability, gender relations and points out the answers to that disease given by Brazilian social movements and government of Brazil. In the area of sexuality and the safe sexual practice, we identify some difficulties that women experience: the negotiation about the condom use, lack of autonomy and empowerment, gender violence and lack of awareness about the risk of women become infected by HIV. All this strengthened by a sexist culture that has denied women s right to experience their sexuality in a free way, making them increasingly vulnerable to HIV/AIDS.
Keywords: Aids
Feminização
Gênero
Representação Social
Direitos Sexuais e Reprodutivos
AIDS
Feminization
Gender
Vulnerability
Health public policy
metadata.dc.subject.cnpq: CIENCIAS SOCIAIS APLICADAS::SERVICO SOCIAL
metadata.dc.language: por
metadata.dc.publisher.country: BR
Publisher: Universidade Federal da Paraí­ba
metadata.dc.publisher.initials: UFPB
metadata.dc.publisher.department: Serviço Social
metadata.dc.publisher.program: Programa de Pós-Graduação em Serviço Social
Citation: FREIRE, Cristiane Cavalcanti. Representação social das mulheres soropositivas sobre a sua saúde sexual e reprodutiva. 2011. 128 f. Dissertação (Mestrado em serviço social) - Universidade Federal da Paraí­ba, João Pessoa, 2011.
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
URI: https://repositorio.ufpb.br/jspui/handle/tede/7204
Issue Date: 7-Nov-2011
Appears in Collections:Centro de Ciências Humanas, Letras e Artes (CCHLA) - Programa de Pós-Graduação em Serviço Social

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
arquivototal.pdf1,9 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.